Como se encontrar com em DC

Você pode instalar e ativar o Acrobat DC em até dois computadores. Se você desejar instalá-lo e ativá-lo em um terceiro computador, será necessário desativá-lo em uma de seus computadores anteriores. Não se preocupe, o instalador do Acrobat solicitará que você faça isso, basta seguir as instruções na tela. Descubra se a pessoa em questão se encontra em detenção, reclusão ou prisão simples. A detenção é aplicada para condenações mais leves e, não admitindo o encerramento inicial em regime fechado, é cumprida em estabelecimentos menos rigorosos, como colônias agrícolas, industriais ou similares, no regime semiaberto, ou em casas de albergado ou estabelecimentos adequados, no regime ... 16 personagens “Série C” da Marvel que se tornaram protagonistas no cinema Os quadrinhos de Aliens e Predador vinham sendo publicados pela Dark Horse desde 1988 e 1989, respectivamente. Aprenda cómo solicitar beneficios de desempleo, compensación para trabajadores, asistencia temporal y otros programas que pueden ayudarlo si pierde su trabajo. Cómo solicitar el seguro por desempleo y otros beneficios Beneficios de desempleo y el coronavirus (COVID-19) Asistencia Temporal para ... Como Colher Impressões Digitais. Já se perguntou como os profissionais da polícia recolhem impressões digitais em cenas de crime? O processo não é tão difícil assim, basta saber onde procurar e ter alguns instrumentos básicos! Abaixo, você... The Power of Como Sense TM. Know your customers. Personalize their experience. Grow visits and spend. Watch the Video. Professional Engagement Suite for Driving business Growth. ACTIONABLE DATA. Get the real-time data and insights you need to boost repeat purchase, increase spend, and make smarter business decisions. Redação é o processo de remover permanentemente o texto e os gráficos visíveis de um documento. Use as ferramentas de Redação para remover o conteúdo. No lugar dos itens removidos, pode haver marcas de redação exibidas como caixas coloridas ou essa área pode ser deixada em branco. É possível especificar textos personalizados ou códigos de redação para serem exibidos como marcas ... O usuário pode descobrir todos os programas que estão instalados em um computador, de forma simples. Essa dica é interessante para quem está precisando formatar o computador, por exemplo, e ... Potencia y energía en C.C Potencia y energía en C.C. La Corriente continua (CC) o también llamada Corriente directa (DC) se puede explicar como la intensidad constante en el movimiento de las cargas, para que una corriente pueda ser clasificada como continua primero debe cumplir con la siguiente regla: “El movimiento de las cargas debe ser constante y dicho movimiento siempre sera en el ...

Reflexão sobre plantel - Após falhanço na Champions e goleada na Liga NOS

2020.09.20 01:27 e1l1even Reflexão sobre plantel - Após falhanço na Champions e goleada na Liga NOS

Há 1 mês, postaram um debate sobre as mudanças que o plantel iria necessitarealizar e eu dei a minha opinião.
Após o falhanço na liga dos campeões, a goleada na 1a jornada do campeonato, e tendo em conta que aparentemente contrataremos apenas um defesa central, podemos tirar pequenas conclusões em relação ao plantel e gostava de saber a vossa opinião.
Há 1 mês, conclui que seria fulcral reforçar a equipa com um defesa-direito, um central (pelo menos) e um 2º avançado. Estou contente de ver que temos soluções para essas posições e ainda acrescentarmos qualidade noutras posições.

Parece-me que a contratação do Gilberto foi uma tentativa do JJ fazer o seu milagre de trazer um jogador e torná-lo craque mas, aparentemente, não será esse o caso.
Fiquei contente por ele referir (flash-interview pós jogo vs. Famalicão) que o Diogo Gonçalves poderá ser aposta para a posição. É um jogador que dá tudo em campo, tem qualidade técnica e parece-me que está nas mãos do treinador ideal para aprender. Desde que ele tenha vontade para isso, poderá tornar-se num excelente ala completo.
Rúben Dias é dono e senhor desta posição, irá evoluir (ainda mais) certamente esta época.
Jan Vertonghen é um jogador com vasta experiência e que joga ao mais alto nível há mais de 10 anos, parece-me completamente exagerada algumas opiniões que li sobre ele após o jogo do PAOK. Atribuir culpas no golo sofrido é exagerado.
Nuno Tavares surpreendeu-me bastante na pré-época, e na minha opinião pessoal, provou que poderá fazer parte deste plantel e ser um bom plano B.

Rafa tem jogado nesta posição e parece-me que não é a posição em que rende mais. Tem dificuldades tremendas em definir a ultima ação. Mas poderá ser bastante útil em vários jogos e dependendo do adversário mas ainda lhe falta dar o clique nesse último passe/finalização.
Continuo com a mesma opinião sobre o Pizzi. É um jogador que simplesmente não encaixa no modelo do JJ, com uma baixíssima intensidade sem bola (assistimos no jogo vs. PAOK e nos minutos finais vs. Famalicão). Tendo em conta a personalidade e influência no balneário, terá que jogar e será útil contra equipas do nosso campeonato (de resto, como tem demonstrado no passado, brilha contra pequenos e raramente faz boas exibições em jogos grandes, e quando digo jogos grandes, não falo apenas de jogos da Champions ou contra os "grandes" de Portugal, basta jogar contra equipas com boa organização e qualidade individual razoável e demonstra grandes dificuldades). Poderemos assistir a uma mudança de intensidade (exigida pelo JJ) mas dúvido. Mas tal como disse, jogador bastante útil vs. equipas "pequenas".
Gabriel se conseguir corrigir a insistência em fazer passes longos errados e as perdas de bola infantis que demonstrou no passado, parece-me que tem as características para jogar na posição 6 do modelo do JJ e que o treinador aprecia.
Por outro lado, continuo a achar que o Weigl demonstra qualidades fabulosas, principalmente na fase de construção, as capacidades físicas podem ser alvo de crítica mas demonstra estar sempre muito bem posicionado, sempre com uma excelente leitura de jogo em todas as fases do jogo, não só na de construção.
A dupla Taarabt + Weigl tem tudo para ser uma excelente dupla neste meio campo, principalmente com a bola em nosso poder. O marroquino é um jogador completamente diferente de todos os médios que temos no plantel, com bola é fenomenal e inventa (no bom sentido) muitos lances de ataque SOZINHO. Sem bola, principalmente na transição defensiva, apresenta muitos problemas a nível de posicionamento e recuperação defensiva, e então quando chega a altura dos +70 min, deixa sempre o Weigl (neste caso) completamente isolado no meio campo.
Espero que o JJ consiga encontrar a solução para este problema. Não me parece que temos alguém indicado para rodar com o Taarabt. (Uma explosão do Paulo Bernardo ou até mesmo do Ronaldo Camará seria bem vinda mas muito pouco provável)
Rafa será o 2o na hierarquia para esta posição.

Pizzi estará em 2o na hierarquia mas tal como referi, não me parece que encaixe na filosofia do JJ, veremos com o passar do tempo.
Rafa e Pedrinho também poderão fazer esta posição.
Gonçalo Ramos a continuar assim também será dificil ignorá-lo. (5 golos nos 2 primeiros jogos oficiais da equipa B, melhor marcadoMVP da youth league 2019/2020 e ainda se ter estreado na época passada na equipa principal com 2 golos são estatísticas arrasadoras).

CONCLUSÃO:
Alguns jogadores que não mencionei aparentemente já têm saída programada e outros poderão estar pelo mesmo caminho.
A longo prazo parece-me que teremos uma excelente equipa e a hierarquia da equipa, por posição, irá começar a caminhar e a moldar-se da seguinte forma:
submitted by e1l1even to benfica [link] [comments]


2020.08.13 13:06 R_DiasOficial Um Resumo Histórico dos Candidatos Presidenciais Democratas

"O partido dos pobres e oprimidos escolhe pessoas ricas e opressoras para a presidência."

Kamala Devi Harris. 55 anos. É polícia desde 1990 e está em posição de poder político desde 2003.

Eleger uma pessoa que pertence às forças polícias na altura em que as tensões raciais estão no seu pico não foi a melhor decisão do partido democrata. Ao contrário do consenso geral, ao longo dos anos a Kamala Harris veio a revelar ser o estereótipo perfeito de um polícia que abusa do seu poder, o que agrava um pouco a situação. É a mulher que mantinha os prisioneiros por um tempo superior ao das suas sentenças para obter mão-de-obra barata, e que prendia os pais das crianças que faltam as aulas, e ainda se ria na cara deles.
É uma pessoa que sempre defendeu ideias políticas controversas como o aborto até o parto, a pena de morte, baixar a idade de voto para 16 anos, ou a Affirmitive Action (uma política de discriminação racial que permite que pessoas Afro-Americanas possam entrar na universidade com notas inferiores à de pessoas brancas, enquanto que os Asiáticos precisam de ter notas superiores à de pessoas brancas. Ao contrário do que parece à primeira vista, esta medida veio contribuir negativamente na comunidade Afro-Americana).
É, também, uma mulher meia Indiana e meia Jamaicana, porém quando é convincente passa por Afro-Americana. Isto torna-se ainda mais controverso uma vez que certamente que beneficiou da escravatura praticada pelos seus antepassados, como o pai dela tanto se gosta de gabar. (É engraçado o facto de o Snopes classificar isto como "unverified". Bastava irem perguntar ao pai dela que ele não teria problema nenhum em confirmar, mas isso iria contra a narrativa... )

Joseph Robinette Biden. 77 anos. Está numa posição de poder político desde 1969 e possui o apoio eleitoral da China, do Irão e do Bin Laden.

Tal como a Kamala, o seu passado também não é muito animador.
É mais conhecido pela sua War on Drugs que contribuiu para o encarceramento em massa de Afro-Americanos por cometerem pequenas infrações relacionadas com drogas.
Também é muito famoso por, de vez em quando, dizer frases do tipo:
É ainda o homem que, por mais irónico que seja, declarou Donald Trump como o primeiro presidente racista. Olhando para o passado do Biden, não será errado concluir que ele deve considerar os presidentes que possuíam escravos como "não racistas".
O seu historial cognitivo também não é dos melhores. Diz estar com pessoas que nunca esteve, em locais que não existem, a fazer coisas que não fez.
Tem acesso às perguntas antes das entrevistas e inclusive lê as respostas a partir de um teleponto. (Exemplo 1); (Exemplo 2); (Exemplo 3); (Exemplo 4)
Mas quando não tem diz que escolhem a verdade em vez dos factos, seja lá o que isso quer dizer. Confunde a mulher com a irmã. Cria frases sem qualquer sentido. Afirma que sempre foi contra a NAFTA, mas há provas de que votou a favor.. Mete o despacito a tocar no seu iPhone e põem-se a dancar num evento de hispânicos para combater o facto de eles apoiarem, maioritariamente, o Donald Trump. Num momento diz que está constantemente a realizar testes cognitivos, no outro diz que nunca fez um teste desse tipo e pergunta ao entrevistador Afro-Americano se ele é algum drogado viciado em cocaína.
Tem um problema com números: Diz que já morreram 120 milhões de pessoas nos EUA por COVID e recentemente corrigiu para 200 milhões, dos quais 6000 eram militares (quando o número verdadeiro é 7) e que metade da população norte americana foi morta por armas.
E depois também há o problema que ele tem de cheirar o cabelo, tocar de forma inapropriada e beijar mulheres na boca sem o seu consentimento. Uma dessas mulheres é a sua neta adolescente e as restantes são outras crianças que ele não conhece de lado nenhum.
Possui um caso de violação pendente, e inclusive a candidata a vice presidente, Kamala Harris, afirmou que acredita nas vítimas do Biden.
Por fim, ambos os candidatos democratas apelidaram as manifestações que levaram a mais de 20 mortes, 900 ferimentos e mil milhões de dólares em danos como "protestos pacíficos" e andam a pagar para libertar esses criminosos (inclusive libertaram um pedófilo que penetrou uma criança) .

Este post é apenas um pequeno excerto do passado destas pessoas. Com um pouco mais de investigação, é possível encontrar inúmeros outros fatores.

Obs: Decidi falar sobre a Kamala Harris em primeiro lugar uma vez que se o Donald Trump perder as eleições de 2020, quem irá ser o Presidente vai ser ela, e não o Joe Biden. Ele é o cadáver andante que o partido democrata está desejoso de se ver livre, assim que já não precisarem de o usar.
submitted by R_DiasOficial to portugueses [link] [comments]


2020.02.21 14:56 AdsonLeo [Encontro Miojo] Coração de Palha (1º Lv; D&D 5e)

Olá pessoal. Segue uma aventura que publiquei há um bom tempo em um blog pessoal. Fazia parte de um draft inicial para testar o formato do blog e ver se dava certo e se eu conseguiria formatar algo que fosse nas linhas da 5ª edição e funcionasse como uma aventura rápida e digestível mas ainda assim profunda e que desse ganchos e opções. Também tinha como objetivo servir de complemento ao conto postado anteriormente, para dar mais valor a cada um dos conteúdos.
Depois de um tempo parado decidi postar aqui, onde há mais visibilidade que um blog com divulgação zero da minha parte. O objetivo é mesmo divulgar o meu... trabalho, não sei... e receber opiniões. Quem se sentir confortável para dar um feedback ficarei muito grato. A ideia é trazer mais coisas como essas caso seja um conteúdo válido e que as pessoas tenham algum interesse.
Para aqueles interessados o conto Voo de Asas Cortadas serve de prelúdio para essa aventura e, além de ser uma leitura legal, te ajudará a dar cara aos personagens e clima ao cenário. Como com qualquer aventura pronta, no momento que você a pega ela é sua. Faça o que bem entender! A única coisa que peço é para que, caso se divirta e use elementos dela, dê o devido crédito ao blog e autor (no caso eu). Ajuda bastante!
Este encontro é feito para um grupo de aventureiros de primeiro nível mas, como sempre, use como achar melhor. Mesmo que os encontros sejam fáceis no final o importante é a história e as consequência que virão dela. Nomes apresentados em negrito significam uma criatura presente em algum livro de D&D 5ª edição. Logo depois dele, entre parênteses, virá uma notação com o livro e a página. Sem mais delongas, fiquem com o miojão... digo, encontro de hoje.

Ganchos de Aventura

Seja como one-shot ou um episódio de uma campanha, você pode usar esse encontro da forma que quiser. Os aventureiros atravessaram uma névoa misteriosa e se encontram num local desconhecido. Ou os moradores de uma vila buscam ajuda para lidar com o casarão assombrado que fica afastado. Talvez todos que foram investigar o local não voltaram, e aqueles que passam lá perto escutam vozes e sons indicando atividade, porém estão assutados demais para se aproximarem. Quem sabe seja a casa de uma antiga companheira dos aventureiros, que resolveram passar para uma visita rápida.
Seja como for, o grupo se encontra de frente à propriedade sombria.

Localização

Mesmo durante o dia uma névoa mantém tudo escurecido e os aventureiros não enxergam muito longe. Vá descrevendo e dando os detalhes a medida que se aproximarem de cada estrutura. A propriedade consiste de uma casa, uma plantação pequena e um celeiro. Básico. Alguns corvos se empoleiram nos telhados das construções e voam preguiçosamente em círculos sobre o grupo. As aves crocitam constantemente, formando uma melodia macabra.

1. Casarão Abandonado

A casa pode ser tão pequena ou grande como você quiser. Ela está velha e suja, poeira por todo lado e teias de aranha muito densas nos cantos, além de parecer completamente abandonada. Distribua cômodos e mobília como quiser. Peça um Dexterity Saving Thrown de DC 13 para o primeiro que entrar. Numa falha ele leva 3 (1d6) pontos de dano piercing quando o chão se rompe sobre seus pés e as lascas de madeira perfuram sua perna.
O chão range constantemente e o grupo começa a ouvir vozes infantis vindo de algum lugar do alto da casa. As vozes dizem "Papa, papa" e, se decidirem investigar, eles se deparam com 4 (2d4) corvos, Raven (Monster Manual, 332). As aves imitam o som humano e pouco a pouco se empoleiram nas janelas, observando com seus pequenos olhos negros os aventureiros. Caso alguém ataque as aves elas voam ao redor dos personagens e os atacam com bicadas até que metade delas tenha sido derrotadas, no que as demais voam pela janela mais próxima.
Pela casa é possível encontrar retratos de um casal e, dentre as coisas esperadas numa casa normal, roupas para um bebê semi-costuradas. Um sucesso em um teste de Intelligence (investigation) DC 18 revela uma abertura secreta em um dos quartos. Dentro estão presentes antigas roupas de viagem, um foco arcano na forma de um pé de um ave de rapina, um manto de penas negras e uma algibeira com 10 gemas no valor de 50 pesos de ouro cada. Esse é todo o tesouro na casa além de kits de cozinha e outros utensílios domésticos comuns.

2. Plantação

Nada saudável cresce neste local, e a estacas de madeira pendem tortas onde antes um espantalho estaria. Caso os aventureiros tenham atacado os corvos na área 1 e pelo menos um tenha fugido o espantalho na área 3 fica ciente da presença deles e se disfarça como um objeto no centro da plantação. Um sucesso em um teste de Wisdom (perception) DC 16 revela sinais de movimento recente vindo do celeiro.
O espantalho se defende caso seja descoberto e atacado. Caso contrário espera os aventureiros passarem por ele e os pega de surpresa, tentando assustar um deles na primeira rodada. Se iniciar o turno com metade ou menos de vida, o espantalho foge para o celeiro, mudando claramente de postura, indo da ferocidade e loucura anterior para medo e desespero. Os corvos sobreviventes o seguem.

3. O Celeiro

A construção não é muito grande e está tão velha quanto o casarão. Com um sucesso em um teste de Wisdom (perception) DC 12 é possível ouvir o constante crocitar misturado com os sons de "Papa, papa" vindo de dentro. A porta está trancada e é possível abri-la com um sucesso em um teste de Strength (athletics) DC 15. As janelas estão barradas por tábuas de madeira pregadas.
O interior possui algumas caixas e sacos, mas o que mais chama a atenção é uma grande quantidade de cascas de ovo e penas negras espalhadas pelo local. Dentro de uma gaiola na extremidade oposta à entrada se encontra uma corvo (igualmente um Raven) enorme, que se vira para os aventureiros assim que eles entram. O local é escuro e a única iluminação presente é a fraca luz do sol filtrada pela névoa vinda da porta aberta. Na escuridão é possível ver o brilho de dezenas de olhos os observando em variadas alturas enquanto crocitam e repetem as palavras.
Dentro também está um espantalho, Scarecrow (MM, 268). Caso os aventureiros não consigam abrir a porta do celeiro na primeira tentativa o espantalho tem tempo para se esconder. Faça um teste de Dexterity (stealth) com vantagem para ele, ou use a stealth passiva (10 + Mod. de Dex. + 5 proveniente da vantagem) para pegar os aventureiros de surpresa caso eles tenham forçado a porta. Execute aqui a luta descrita no segundo parágrafo da área 2.
Tenha o espantalho fugido para cá ou lutado já no celeiro, com um terço da sua vida ele muda de atitude repentinamente e se joga de joelhos em frente aos aventureiros. Ele não fala mas entende comum, e tenta se comunicar desesperadamente por meio de gestos. Um teste bem sucedido de Wisdom (insight) ou Intelligence (investigation) DC 10 permite aos personagens entenderem o básico da mensagem.
O espantalho pede calma e diz não querer lutar, mas só consegue manter-se longe da loucura por pouco tempo. A cada poucos segundos ele agarra a cabeça, a balança forte e olha em direção aos corvos que os observam antes de voltar ao normal. Ele pede os aventureiros para libertarem a ave dentro da gaiola e os leva para um canto do celeiro. Neste canto, deitado no chão desacordado e acorrentado, está um humanoide meio corvo do tamanho de uma criança humana, um kenku, com a pele exposta em locais que suas penas foram arrancadas. O espantalho pede para que matem esse ser.
O kenku não possui nenhuma opção ofensiva, tem apenas 1 HP e qualquer ataque contra ele automaticamente acerta. Depois de morto, o kenku retorna à forma de uma criança humana. Todos os corvos no local, 10 (5d4) Raven, atacam os aventureiros, e a ave dentro da gaiola crocita o mais alto possível, se lançando contra as barras.
Caso libertem a corvo antes de matarem o kenku, ela tenta protegê-lo a todo custo, se interpondo entre o espantalho, os aventureiros e ele. Se já o tenham matado ou o façam, ela tenta voar para longe. Todos os corvos no local a seguem numa revoada.
Se, no final, decidirem por libertar a corvo aprisionada e manter ela e o kenku vivos, o humanoide não acorda de jeito nenhum e a ave não sai do seu lado. Os corvos no local pouco a pouco se aproximam, vindo pelo chão e se empoleirando mais próximos da cena.
Independente do que acontecer o espantalho volta à loucura e ataca o grupo novamente, lutando até a morte. Se eles forem gentis com a corvo todas as aves no local os ajudam contra o espantalho. Se a atacarem todas as aves lutam até a morte contra eles.
É possível se comunicar telepaticamente com a corvo presa. Ela revela toda a história do conto, inclusive que se chama Magleth e como ela, o marido e o filho foram transformados por servos da Rainha Corvo e não conseguem se livrar desta maldição de forma alguma, apesar de que em alguns momentos a magia vacila e o marido parece recobrar a consciência. Ela pede para que enterrem, cremem, ou executem algum outro ritual para libertar a alma da criança. Com isso feito ela se vê livre para voar com seus outros filhos ou talvez se unir ao grupo e tentar voltar à sua forma humana.
submitted by AdsonLeo to rpg_brasil [link] [comments]


2020.01.27 03:34 altovaliriano Jon Connington

A Casa Connington somente passou a existir em A Tormenta de Espadas, assim como Jon. Já havíamos ouvido falar de “Sor Ronnet de Poleiro do Grifo” em A Fúria dos Reis, mas seu sobrenome era desconhecido. O próprio Poleiro do Grifo só surgiu nos mapas de O Festim dos Corvos.
Portanto, a Batalha dos Sinos, Jon Connington e sua Casa foram adições posteriores à história, provavelmente em decorrência dos planos para reestabelecer Aegon, filho de Rhaegar, na história e dos planos para o salto temporal de 5 anos entre Tormenta e Dança. E todos este pano de fundo foi lançado pensando no retorno de Aegon, filho de Rhaegar.
Jon Connington é o único filho de Armond Connington, antigo Senhor de Poleiro do Grifo, quando os Connington ainda eram uma casa nobre menor jurada aos Baratheon de Ponta Tempestade. Não se sabe como, Armond conseguiu fazer com que seu filho se tornar-se escudeiro em Porto Real para o mesmo cavaleiro que o próprio príncipe herdeiro servia. Mais tarde Jon Connington serviria de escudeiro para o próprio príncipe herdeiro, que o considerava um grande amigo.
Entretanto, em algum ponto desta convivência, Jon Connington desenvolveu sentimentos românticos por Rhaegar Targaryen. Aparentemente, este amor foi determinante para que Connington se mantivesse como um legalista todos esses anos. O que surpreende é que o sentimento tenha suportado o casamento com Elia e o rapto de Lyanna.
Com a morte do pai em algum momento antes de 280 dc, JonCon se tornou Lorde de Poleiro do Grifo. Não é dito em nenhum momento dos livros em que ponto da vida Connington foi armado cavaleiro, mas não seria de se estranhar caso descobríssemos que fora antes do torneio de Harrenhal, pelas mãos de seu amado Rhaegar. Afinal, o príncipe herdeiro havia armado homens de reputações piores, como Gregor Clegane. Por que não seu grande amigo Jon?
De fato, JonCon esteve no torneio da Falsa Primavera, durante o qual é lembrado por ter dançado com Ashara Dayne. Antes disso, quando Steffon Baratheon ainda era vivo, Barristan se lembra de tê-lo derrubado do cavalo em um torneio em Ponta Tempestade. Kevan Lannister afirma que JonCon, quando jovem, era capaz, enérgico e habilidoso com armas, e que isso lhe rendeu o cargo de Mão do Rei, depois que Owen Merryweather havia sido exilado por Aerys II.
Connington passou de perseguidor de Robert a perseguido, quando bateu em retirada de Septo de Pedra. Por seu fracasso, Aerys o exilou. A experiência o traumatizou de forma que qualquer pessoa consegue notar, e muito provavelmente é a razão pela qual JonCon é tão desprovido de humor:
– Entendo o ódio bem o suficiente.
Pelo jeito que Griff falou isso, Tyrion soube que era verdade. Este aí tem se alimentado de ódio. É o que o aquece à noite, durante anos.
(ADWD, Tyrion III)
Jon sonha com isto, mesmo 17 anos depois:
Na noite passada, sonhara novamente com o Septo de Pedra. Sozinho, com uma espada na mão, corria de casa em casa, derrubando portas, pulando de telhado em telhado, enquanto seus ouvidos captavam o som distante de sinos. Profundas badaladas de bronze e carrilhões de prata soavam dentro de seu crânio, em uma cacofonia enlouquecedora que ficava cada vez mais alta, até que sua cabeça parecia explodir.
Dezessete anos haviam se passado desde a Batalha dos Sinos, e até hoje o som do badalar ainda causava um nó em seu estômago. Outros poderiam dizer que o reino foi perdido quando o Príncipe Rhaegar caiu sob o martelo de guerra de Robert, no Tridente, mas a Batalha do Tridente nunca teria sido travada se o grifo tivesse matado o veado no Septo de Pedra. Os sinos dobraram por todos nós naquele dia. Por Aerys e sua rainha, por Elia de Dorne e sua filhinha, por todo homem verdadeiro e mulher honesta dos Sete Reinos. E por meu príncipe de prata.
(ADWD, O Senhor Perdido)
Porém, perder a batalha em nome do Trono de Ferro e ser exilado por Aerys provavelmente não são tão terríveis para Jon quanto o fato de que ele deixou Rhaegar na mão, para lidar com um rebelião fortalecida após o episódio em Septo de Pedra. O sentimento de ter alguma responsabilidade na morte do homem que ele amava deve ter contribuído para que JonCon nutrisse o desejo de poder fazer algo para se redimir.
Passara cinco anos na companhia, ascendendo das fileiras para um lugar de honra do lado direito de Toyne. Se tivesse ficado, bem que poderia ter sido ele a assumir o lugar de Myles, após sua morte, em vez de Harry Strickland.
(ADWD, O Senhor Perdido)
O aplicativo oficial para smartphone aponta que, então, Illyrio e Varys abordaram Myles Toyne e Jon Connington para falar que o filho de Rhaegar estava vivo. Não se sabe ao certo que tipo de evidências foram apresentadas a Connington para que ele acreditasse na identidade do garoto. Muitos leitores acreditam que nenhuma prova foi apresentada, que o exilado JonCon estava tão desesperado por redenção que vive em autoengano desde então:
Mas o Príncipe Aegon Targaryen não era nem de perto tão dócil quanto o Jovem Griff havia sido. Boa parte de uma hora havia se passado antes que ele finalmente aparecesse no solar, com Pato ao seu lado.
– Lorde Connington – disse –, gostei do seu castelo.
“As terras do seu pai são bonitas”, ele disse. Seu cabelo prateado agitava-se ao vento e seus olhos eram um púrpura profundo, mais escuros do que os desse garoto.
(ADWD, O Grifo Renascido)
Entretanto, devemos observar que Toyne foi uma das partes motoras desse acordo. A não ser que Toyne fosse um apoiador da conspiração Blackfyre (ou Brightfyre, se preferir), aparentemente não havia razões para que ele partilhasse do suposto autoengano de Connington. Entretanto, é preciso lembrar que Maelys, o Monstruoso, já estava morto há quase 40 anos, tempo durante o qual, até onde sabemos, a Companhia Dourada operou em Essos como as demais companhias mercenárias de westerosis. Ou seja, visando o lucro e tendo sonhos vagos com conseguir terras em Westeros.
De todo modo, quando Connington passou a criar Aegon como se fosse seu próprio filho, a criança deveria ter aproximadamente 6 anos de idade. Assim, foram 10 anos viajando sob disfarce por Essos. Todo este tempo retardando o retorno a Westeros e escondendo sua identidade deve ter servido de longo aprendizado ao jovem impulsivo que perdeu a Batalha dos Sinos.
Não parece plausível que Aegon e Jon tenham vivido este tempo todo a bordo do Donzela Tímida. É mais capaz que eles tenham viajado pelas Cidades Livres quase tão frequentemente quanto Viserys e Daenerys, talvez até nas mesmas míseras condições. Tampouco sabemos quantos dos atuais companheiros do garoto estão com ele desde o início. Aparentemente, apenas Lemore é confirmada estar lá desde o começo:
Uma septã o instruiu nos mistérios da Fé desde que teve idade suficiente para entendê-los.
(ADWD, Epílogo)
O que instiga a curiosidade é saber que tipo de história Connington inventava para se devotar tanto a seu filho uma vez que ele disfarçava-se como mercenário. JonCon pegava trabalhos eventuais? Inventava missões ou Illyrio empregava pessoas para lhe dar trabalhos falsos? Como foi que, em 10 anos, nenhum incidente foi registrado se a Tyrion bastou alguns dias para descobrir? Respostas que jamais teremos, eu acredito.
Qualquer que seja a resposta, o que importa é que todo o planejamento e preparação de Connington foi por água abaixo no momento em que se viu infectado pela escamagris. Tyrion havia plantado em Aegon a vontade de seguir para Westeros sem dragões ou Daenerys, algo que, em condições normais, Jon estaria inclinado a negar. Porém, a doença terminal lhe deu um senso de urgência:
Falhara com o Príncipe Rhaegar uma vez. Não falharia com seu filho, não enquanto tivesse vida em seu corpo.
Não tenho tempo suficiente para cautela.
(ADWD, O Senhor Perdido)
O homem que chega a Westeros sofre um desembarque atrapalhado, com tropas espalhadas pelo litoral, mas tira o melhor que pode disto. Imediatamente toma controle do Cabo da Fúria e de seu assento ancestral, Poleiro do Grifo, e parte para tomar Ponta Tempestade pela força.
A mistura fica assim: uma campanha relativamente vitoriosa em pouco tempo, um homem rancoroso e passional a procura de vingança, uma experiência de guerra traumática com sinos, a chegada do inverno mais letal dos últimos 8000 anos e uma segunda Dança dos Dragões a caminho. Todos os elementos apontam para uma tragédia.
Quem sabe, uma "segunda" Batalha dos Sinos em que Jon Connington finalmente siga o diagnóstico de Toyne sobre o que Tywin teria feito no lugar de Jon:
Lorde Tywin não teria se incomodado com uma busca. Teria queimado a vila e toda criatura viva nela. Homens e meninos, bebês de peito, cavaleiros nobres e septões santos, porcos e putas, ratos e rebeldes, teria queimado todos. Quando o fogo se apagasse e restassem apenas cinzas, ele teria enviado seus homens para encontrar os ossos de Robert Baratheon. Mais tarde, quando Stark e Tully aparecessem com suas tropas, teria oferecido perdão para os dois, e eles teriam aceitado e voltado para casa com o rabo entre as pernas.
Ele não estava errado, Jon Connington refletiu, inclinando-se sobre as ameias de seus antepassados. Eu queria a glória de matar Robert em um combate singular, e não ser chamado de açougueiro. Então Robert escapou de mim e matou Rhaegar no Tridente.
– Falhei com o pai – disse –, mas não falharei com o filho.
(ADWD, O Grifo Renascido)

Declaração de GRRM sobre JonCon

GRRM deixa implícito que Connington é homossexual (fonte)

Perguntas

  1. Como Armond Connington conseguiu enviar o filho para servir como escudeiro em Porto Real, inclusive ao lado do princípe herdeiro?
  2. A quem você acha que Jon Connington servia como escudeiro em Porto Real junto com Rhaegar?
  3. Quem armou Jon cavaleiro?
  4. Você acha que JonCon nutria sentimentos românticos por Myles Toyne, ainda que não tão fortes como aqueles que sentia por Rhaegar?
  5. Como Connington se manteve icógnito todos estes anos fingindo ser mercenário?
  6. Connington iniciará uma praga de escamagris em Westeros ao esconder sua própria doença?
  7. Como JonCon tomará Ponta Tempestade?
  8. Que tipo de evidências você achar que Varys e Illyrio forneceram a Jon para que ele acredita-se na identidade de Aegon?
  9. Caso Jon Connington descobra que Aegon é um falso Targaryen, como você acha que ele reagirá?
  10. Os rancores de Jon com a Batalha dos Sinos são um sinal de que suas novas táticas de batalhas serão mais brutais?
  11. Veremos uma "segunda" Batalha dos Sinos?
submitted by altovaliriano to Valiria [link] [comments]


2020.01.06 02:48 altovaliriano Mance Rayder

Este sábado de personagens foi movido para o domingo, pois estamos em reformas.
Mance é o pacote completo das terras além da Muralha. Ele é um selvagem, um irmão da Patrulha da Noite, um desertor e um Rei-para-lá-da-Muralha. A história diz que sua mãe era uma selvagem e o pai um irmão juramentado da Patrulha. Portanto, desde a concepção, Mance era destinado a viver em ambos os campos, como gelo e fogo.
Porém, quando garoto, Mance foi retirado da mãe e criado junto a Patrulha da Noite. Não se sabe quando isso aconteceu, nem em que circunstâncias. A Patrulha pode ter matado sua mãe, pois se diz que ele teria sido levado após o grupo de saqueadores em que estava foi morto pelos irmãos negros. Mas este grupo de saqueadores poderia ter o retirado de sua mãe, e a Patrulha não teria culpa na separação. Simplesmente não sabemos.
Tampouco sabemos se Mance serviu lado-a-lado com seu pai. Mance parece ter mais de 40 anos de idade no começo de A Guerra dos Tronos e é dito que ele servia em Torre Sombria. Denys Mallister é o comandante do castelo há 33 anos (o que não o impede de estar servindo há vários anos de ter sido eleito comandante), portanto, se alguém poderia dizer mais sobre isso, provavelmente seria Mallister.
O que é importante entender aqui é que a Muralha foi o pai provedor de Mance durante grande parte de sua vida. Entretanto, mesmo quando era um patrulheiro, Mance era muito interessado em canções, ainda que suas voz e habilidade com o alaúde sejam consideradas apenas medianas. Como o próprio homem alega conhecer todas as canções lascivas já feitas ao norte e ao sul da Muralha, é de se imaginar que Mance tinha desde cedo em si uma paixão incompatível com a vida de deveres de seus irmãos juramentados.
De fato, imaginemos o que é crescer na Muralha. Especialmente sob o comando de um homem cavalheiresco como Denys Mallister. É muito provável que Mance, durante a juventude, tenha desfrutado de uma juventude cheia de frugalidade e provações. Conhecendo o homem como ele é hoje, deve ter sido uma experiência extremamente limitadora e frustrante.
Portanto, não admira que o Rei-para-lá-da-Muralha tenha sido influenciado a desertar da Patrulha após a experiência com a filha de uma velha feiticeira selvagem. Todos conhecem a história: o grupo de Mance foi atacado por um gato das sombras enquanto esfolavam um alce caçado em uma patrulha, Mance estava ferido e foi levado às pressas para uma velha feiticeira selvagem, mas teve que ser tratado pela filha dela (pois a velha havia morrido) e foi bem tratado:
Limpou meus ferimentos, deu pontos em mim e me alimentou com mingau de aveia e poções até eu ficar suficientemente forte para voltar a subir em um cavalo. E também costurou os rasgões em meu manto, com um pouco de seda escarlate de Asshai que a avó tinha tirado dos restos de um barco afundado que apareceu na Costa Gelada. Era o maior tesouro que ela possuía, e foi um presente para mim. (ASOS, Jon I)
Estas poucas linhas apresentam uma história extremamente interessante. É um exemplo de como GRRM consegue comprimir um conto que poderia ser tratado em uma obra autônoma em apenas algumas linhas (algo que, segundo Remy Verhoeve, Martin perdeu em livros mais recentes).
Mance Rayder foi ferido em uma caça e levado a uma velha feiticeira. As expectativas provavelmente eram de encontrar uma senhora esquisita, mas eles acabaram encontrando alguém mais jovem. A mulhegarota aparentemente foi solícita e atenciosa, especialmente quando usou um “tesouro” familiar para consertar as roupas de Mance.
A questão do conserto da roupa, com seda escarlarte é a parte mais impressionante. Há uma sugestão de envolvimento sexual. Poder-se-ia pensar que Mance teve um caso com a mulhegarota e a seda no manto foi uma lembrança. Simbolicamente, representaria que Mance teve o negro da Patrulha conspurcado por um vermelho vivo de um amor encontrado do outro lado da Muralha.
Eu, porém, prefiro pensar que foi uma ferramenta de sedução. Que Mance e a filha da feiticeira não tiveram um caso de amor, mas que a seda seria uma demonstração de interesse, como que um convite à retornar. Afinal, como disse o própri Mance “Parti na manhã seguinte... para um lugar onde um beijo não era crime e um homem podia usar o manto que quisesse” (ASOS, Jon I).
Assim, quando Denys Mallister ordenou que Mance descartasse a roupa costurada e vestisse o uniforme padrão da Patrulha, o então patrulheiro estava diante de um dilema maior do que dever-liberdade. Descartar a roupa significaria virar definitivamente as costas para o amor. Assim, a motivação de Mance encontra um eco nas palavras de Meistre Aemon:
O que é a honra comparada com o amor de uma mulher? O que é o dever contra sentir um filho recém nascido nos braços… ou a memória do sorriso de um irmão? Vento e palavras. Vento e palavras. Somos apenas humanos, e os deuses nos moldaram para o amor. Esta é a nossa grande glória e a nossa grande tragédia.
(AGOT, Jon VIII)
Diante deste dilema, o patrulheiro se dirigiu para o seio de sua antiga comunidade, atraído pelo estilo de vida que nunca deve ter conhecido a não ser nas canções que tanto gostava. O detalhe interessante é que Mance usa este manto quando Jon o encontra.
Entretanto, há outro aspecto essencial nesta história, carregado de mistério. O navio que trazia seda de Asshai era um navio originário de Asshai? Claro que poderia ser um navio de Westeros que trazia a seda. Porém, a Costa Gelada não é conhecida por ser visitada por navios mercantes. Talvez então saqueadores das Ilhas de Ferro que acabaram naufragando na Costa Gelada ainda com a carga roubada? É possível.
Contudo, GRRM poderia simplesmente estar querendo dizer que é um navio vindo do oriente que naufragou após circundar o mundo sentido leste-oeste até chegar a Westeros. O que faria com que Alissa Farman não fosse a primeira navegadora a cruzar o Mar do Poente. Bem, acho que jamais saberemos definitivamente.
Voltando a Mance, não sabemos quanto anos antes do começo da história ele começou a reunir as diversas comunidades do Norte sob seu comando. Sabemos que o plano dele era levar o povo livre para o sul da Muralha, fugindo dos outros, mas não sabemos exatamente quando isso começou. Na verdade, GRRM manteve toda a linha do tempo envolvendo Mance bastante confusa.
Sabemos que ainda quando era patrulheiro, sob o comando do Lorde Comandante Qorgyle (que morreu em 288 DC), Mance visitou Winterfell e conheceu Jon ainda criança (que nasceu em 283-284 DC). Portanto, Mance não devia estar entre o Povo Livre há mais de 10 anos no começo de A GUERRA DOS TRONOS. Se está correta a informação obtida por Jon de que Mance “tinha passado anos reunindo aquela vasta e lenta tropa” (ASOS, Jon II), então é de se esperar que tudo tenha começado em anos recentes.
Por outro lado, podemos questionar a razão que levou Mance Rayder a reunir um exército para atacar a Muralha. O ex-patrulheiro não parece ser exatamente o tipo heroico de pessoa, que pensa em todas as vidas humanas que seriam perdidas em razão dos Outros.
Ou seja, se Mance Rayder pensasse apenas em salvar a própria vida, por que não simplesmente atravessou sozinho a Muralha, disfarçado de bardo e pegou um navio para Essos? Não só ele parece ser um mestre dos disfarces e da arte de se misturar a multidão, como também tinha uma bolsa de veados de prata quando visitou Winterfell para ver Robert Baratheon. Tinha a faca e o queijo na mão.
Se nós pudermos acreditar em Osha, entretanto, o plano de Mance na verdade seria reunir o exértico para lutar contra os Outros:
Por que você acha que fugi para o sul com Stiv, Hali e o resto daqueles idiotas? Mance pensa que vai lutar, o bravo, querido, teimoso homem, como se os caminhantes brancos não fossem mais que patrulheiros. Mas, que sabe ele? Pode chamar a si próprio Rei-para-lá-da-Muralha se bem entender, mas ainda é apenas mais um dos velhos corvos negros que fugiram da Torre Sombria. Nunca experimentou o inverno. Eu nasci lá em cima, filho, assim como a minha mãe e a minha avó antes dela, e a minha bisavó antes dela, nascida entre o Povo Livre. Nós recordamos.
(AGOT, Bran VI)
Dessa forma, fica parecendo que Mance estava reunindo as tribos para enfrentar os Outros, mas acabou fracassando. A fim de manter a unidade, porém, usou a hoste que havia reunido para atacar a Muralha e tentar forçar passagem para o Sul. Ainda assim, nada explica sua motivação para querer salvar toda essa gente.
Veja, Mance não parecia cultuar laços afetivos fortes antes do começo de A Guerra dos Tronos. Seus companheiros de acampamento são apenas líderes que ele submeteu ou parentes de sua mulher, e ele somente conheceu Dalla quando retornou da visita a Winterfell para ver Robert. Portanto, não parece haver qualquer explicação. Ou era ele tão apaixonado pela cultura do Povo Livre que desejava salva-los da extinção? Talvez, mas ainda parece uma justificativa estranha. Teria Mance alguma pessoa querida que foi morta pelos Outros antes que o conhecêssemos pelos olhos de Jon? Não, senão todos no acampamento saberiam e teriam comentado.
De todo modo, a investida de Mance contra a Patrulha da Noite não deu em nada. Coube ao recém-eleito Lorde Comandante Jon Snow ter a sensibilidade de dar seguimento ao plano de Mance, em parceria com Stannis Baratheon. Na verdade, é curioso que Jon tenha dado continuidade ao legado de Mance.
Frequentemente, aponta-se para o fato de Mance ter exercido uma influência partenal sobre o Lorde Comandante. E na mesma frequência Mance Rayder é associado com Rhaegar: um cantor-guerreiro que traiu seus votos em razão de uma mulher e desertou de suas responsabilidades. Com isso, não estou dando crédito à teoria “Mance = Rhaegar”, apenas fazendo um brinde a seus argumentos, pois acho que ela falha em ver literalidade em metáfora.
Diferentemente de outros personagens trazidos a vida do mundo dos mortos, Mance retorna ao mundo dos vivos saído de trás de uma ilusão, não por desígnio de R’hllor. Melisandre usa seduções (glamours, em inglês) para disfarçar Camisa de Chocalho como Mance e vice-versa, e Stannis é convencido para queimar o cara errado disfarçado de cara certo.
Eu nunca achei muito convincente a forma como Camisa de Chocalho é queimado. Não acho crível que ele não percebesse que estava sendo confundido com Mance e não fizesse uma defesa astuta de si mesmo. No caso, ao invés de R’hllor de se esconder atrás de R’hllor, GRRM preferiu deixar patente a importância de Mance para a trama dos futuros livros. E, de fato, sabemos que Mance conhece “muito e ainda mais sobre nosso verdadeiro inimigo” (ADWD, Jon I). Stannis o garante após conversar “por horas” com Mance Rayder.
Dessa forma, a não ser que o conhecimento que o Rei-para-lá-Muralha transmitiu ao Rei-na-Muralha seja suficiente para que a trama se desenvolva eficientemente, Mance teria que viver até que os Outros chegassem. Por essa razão que muitas pessoas suspeitam que as afirmações de Ramsay não verdadeiras. Na carta do bastardo, mais conhecida como “a carta rosa”, o atual Senhor de Winterfell afirma que Mance está enjaulado e deixado para o frio do inverno mata-lo. Esta é uma das afirmações que enche a carta de um senso de urgência, e possivelmente também foi uma das frases que deixou Jon convicto que deveria agir imediatamente para salva-lo.
Mas grande parte dos leitores enxergam muitos furos em tudo que é dito na carta. Alguns até mesmo dizem que dizem que a carta teria sido escrita pelo próprio Mance. Sem falar que o Rei-para-lá-da-Muralha estava confortável demais em sua imitação da história de Abel, o Bardo, para que ninguém imaginasse que ele tinha a intenção de imitá-la até os últimos detalhes. O que, em outras palavras, quer dizer que Mance tinha intenção de se esconder fora da vista de qualquer pessoa até que a confusão terminasse (o que faria de Ramsay um mentiroso).
Porém, não me aprofundarei no conteúdo da carta ou nas teorias que alegam que o autor não teria sido Ramsay (pretendo fazer isso no futuro). Por enquanto, basta dizer que a verdade sobre o que aconteceu com Mance está aberto à discussão dentro e fora do universo dos livros. Veja bem: o que estarão pensando os Selvagens na Muralha agora que Jon Snow leu a eles uma carta que diz que Mance está vivo em Winterfell, sendo que todos eles o viram queimar? Talvez passem a atribuir poderes mágicos a Mance e comecem a teorizar que ele enganou até a própria morte.
Coisas que saberemos quando Os Ventos do Inverno sair.

Perguntas

  1. O navio de onde a seda escarlate do manto de Mance foi retirado vinha do oriente?
  2. Por que Mance reuniu os Selvagens ao invés de fugir e se salvar?
  3. Mance realmente planejava lutar contra os Outros?
  4. Que tipo de influência Mance teve sobre Jon?
  5. Mance realmente foi capturado por Ramsay?
  6. Você acha que os Selvagens podem tentar resgatar Mance com base na Carta Rosa?
submitted by altovaliriano to Valiria [link] [comments]


2019.12.21 03:23 jvcscasio Ariadne, a cidade da rainha dragão

Essa é mais uma cidade do meu mundo homebrew de Parabellum. Espero que vocês consigam tirar ideias interessantes daqui.

Ariadne

Visão

Uma formação rochosa em forma de taça se eleva sobre um pequeno planalto rodeado de várias colinas cobertas de casas negras. Essas casas feitas de lama e ossos de wyvern são obscurecidas pela longa sombra projetada pela principal formação rochosa. Uma pequena escada liga as colinas a um pequeno platô e uma rampa leva ao topo da formação. A sombra faz com que a cidade abaixo fique em constante escuridão, então as pessoas usam o feitiço Chama Contínua dentro de lanternas azuis e rosas para iluminar as ruas, e a maior parte da cidade é atingida por "chuva", que na realidade é a água da parte superior caindo na cidade.

História

A rainha do dragão, Hwang-geum Tongchija, nasceu no topo dessa estranha formação rochosa no início de Parabellum. Ela é um dos primeiros seres a existir. Para acabar com sua solidão, ela criou cinco dragões metálicos para manter sua companhia e, quando viram a necessidade de acumular riqueza, decidiram criar criaturas para trabalhar para eles, Hwang-geum criou os kobolds, enquanto os outros dragões metálicos criaram os dragões.
Corrupção
O envenenamento por chumbo da rainha dragão está criando um campo mágico que chega longe da cidade e está mudando a natureza dracônica. Dragonborns que sentem culpa pelos erros que cometeram e dragonbrons com alinhamentos malignos estão começando a se tornar corruptos e a perder suas escalas metálicas por cromáticas. Há 25% de chance de que, ao entrar na cidade, um dragão cromático apareça. Role um d6 para decidir a cor do dragão: 1 - Preto, 2 - Azul, 3 - Verde, 4 - Vermelho, 5 - Branco, 6 - Sombra. Escolha uma "idade" para o dragão recém-nascido de acordo com o nível do seu grupo.
Sociedade
Ariadne é uma cidade de três níveis e governada por dragões metálicos, pois os dragões cromáticos ainda estão por vir à vida. A rainha do dragão, Hwang-geum Tongchija, governa junto com um conselho, cujos membros juntos têm o mesmo poder que ela. Os dragões vivem em um platô acima da cidade dracônica, alheios à maioria das transgressões entre sua criação, os draconatos.
Os dragonborns vivem no nível mais baixo da cidade, construindo casas sobre as colinas abaixo do platô, onde as casas mais altas são de propriedade dos cidadãos mais ricos e poderosos. Eles têm que pagar tributos aos dragões na forma de tesouros que compram, roubam ou conquistam. Alguns draconatos se tornaram proficientes em fazer jóias para esses fins. Os draconatos nunca encontram seus senhores, em vez disso, o tesouro é coletado e entregue a um grupo especial de draconianos que vivem nos castelos que bloqueiam a entrada do platô. A maioria dos dragonborns fala apenas dracônico, e aqueles que falam em comum costumam ter um ensino superior. A maioria das tábuas mágicas são escritas em comum e estão fora do alcance da maioria das pessoas comuns.
Terrasys
Terrasys (Terraforming systen) é um satélite que orbita Parabellum, pairando acima de Ariadne por volta das 16h. Os kobolds reaproveitaram a tecnologia para escanear a superfície em busca de criminosos procurados.
O sistema foi originalmente criado por seres humanos como um meio de encontrar fontes de carbono e transformá-las em gás com um feixe poderoso. No entanto, os kobolds inventivos encontraram esse sistema em Ariadne e assumiram o controle do raio, mirando em seus inimigos. Quem tem controle sobre o terminal no terceiro nível pode fazer um teste de inteligência CD 22 para comandar o satélite para atacar um ponto específico do mundo (desde que o satélite esteja sobre aquele local). O feixe causa 55 (10d10) de dano de fogo e 21 (6d6) de força.
Kobolds
Os kobolds no terceiro nível descobriram dados antigos sobre Tiamat e se tornaram cultistas da rainha do dragão diabólica. O plano deles é envenenar a rainha Hwang-geum, para que ela enlouqueça e depois prossiga com um ritual de sacrifício para transformá-la no avatar de Tiamat. O ritual inclui envenenamento por chumbo de um dragão de ouro até que ele enlouqueça e, em seguida, faça-o devorar cinco dragões metálicos, depois cantar uma invocação para Tiamat enquanto o dragão de ouro banha-se em sangue de dragão.
Sanjeog
Sanjeog é um grupo de criminosos que roubam tesouros dos viajantes e os usam para pagar os impostos e viver melhor do que em comparação com seus compatriotas que trabalham duro. Seu esconderijo é uma série de túneis sob a maior colina, com a única entrada secreta dentro de sua padaria, chamada Miànbao, de propriedade do mestre padeiro Miànbao Ji. O líder deles é Lupi An-ui, um veterano half-dragon azul que viaja com uma varinha de bolas de fogo pronta para disparar. Ele tem um acordo com o kobold chamado Fangpi, de quem compra itens mágicos em troca de parte do saque.
Yi Jí Zhànshì
Os Zhànshì são um grupo revolucionário que planeja derrubar os kobolds, seu plano atual é tentar contrabandear alguém para dentro do conselho no terceiro andar com histórias de como as pessoas estão vivendo mal, na esperança de que o conselho aprenda sobre suas vidas duras e decida mudar. O líder deles, Gemìng Hónsè, é um veterano nascido do dragão de ouro e acredita corretamente que os kobolds estão filtrando as informações que o conselho recebe para impedir que alterem a estrutura social que mantém os kobolds no poder. No entanto, ele está preocupado que algumas de suas escamas douradas estejam caindo e sendo substituídas por escamas vermelhas, a razão desconhecida por trás disso é que Gemìng está sendo corrompido pela culpa de matar uma criança durante um ataque rebelde a uma caravana kobold.

Primeiro nível - Diyiji

O primeiro nível, chamado Diyiji, é composto por várias colinas de diferentes tamanhos e centenas de casas, feitas com ossos de grandes animais e lama negra seca e colocadas sobre essas colinas de maneira desorganizada. A sobra da comida que os dragões comem é jogada nos níveis mais baixos, deixando a cidade com o aspecto de um aterro sanitário.
Os jogadores podem conhecer algumas personalidades notáveis ​​deste nível, como:
Gemìng Hóngsè, o líder dos revolucionários Zhànshì, passando seu tempo livre na biblioteca lendo tabuletas de guerra.
Miànbao Ji, o padeiro mestre da cidade, responsável por alimentar as centenas de habitantes da cidade, com pão muito abaixo do preço normal (graças ao patrocínio do grupo criminoso Sanjeog).
Nosugja Namja, um plebeu sem teto commoner com 1 hp que enlouqueceu depois de beber água venenosa de uma fonte na floresta de cerberus, ele sempre pede dinheiro e, se receber alguma coisa, joga o dinheiro na pessoa dizendo que não vai aceitar desrespeito dos outros.
Agmaui Yeoja é um guarda da cidade que passa seu tempo livre no DRAG no pub da cidade. Ele é um espião secreto dos revolucionários Zhànshì.
Ming, um commoner dragonborn de cobre que deseja fugir da cidade e viver uma vida de crime, mas não pôde se juntar ao Sanjeog por sua falta de discrição e incapacidade de mentir.
Locais no primeiro nível:
A A.G. é uma enorme fábrica onde 96% das dragas trabalham, recebendo 1% das jóias produzidas por elas como pagamento (apenas o suficiente para cobrir os impostos exigidos pelos kobolds). Uma gigante senzala com mesas compridas, onde milhares de pedras preciosas e barras de ouro são derretidas com sopro de dragão, batidas e moldadas em jóias pelos trabalhadores mal pagos. Jaebeol é o dono do lugar, dragonborn branco, mas ele não é encontrado em nenhum lugar, pois na maioria das vezes ele está viajando pelo mundo com o dinheiro que ganha.
O albergue Hoseutel é o único local disponível para os viajantes dormirem e está cheio dos clientes estranhos. Cada quarto custa 1 peça de ouro por dia, por pessoa e tem o mínimo necessário para ser considerado um albergue. Os alimentos podem ser pedidos separadamente e sempre são servidos frios e encharcados. Entre as pessoas que ficam aqui estão um druida anão chamado Qazam de Apollinaris que vende todas as poções incomuns no DMG, um mago githyanki chamado Inigida procurando o book of vile darkness que ele acredita ter caído neste mundo, e um halfling plebeu chamado Viśrānti viajando ao redor do mundo.
A padaria Miànbao é o esconderijo secreto do grupo criminoso Sanjeog, que rouba dinheiro dos viajantes draconatos e estrangeiros para obter itens mágicos, entre outras coisas, dos kobolds no terceiro nível. Acessar o esconderijo exige que um nascido do dragão diga a senha para Miànbao Ji, que é "pão sem ovo". Os personagens que passam algum tempo na padaria terão vislumbres de alguns membros entrando nos fundos da loja dizendo coisas como "Eu vim pelo pão sem ovo" e "Posso comprar um pão sem ovo, chefe?"
O pub Nun-ui Yong é um pub degradado feito com o que parece ser ossos de dragão e madeira escura. Os buracos no teto fazem com que a água da chuva caia sobre os clientes enquanto eles bebem cerveja e sakê doce. Sendo o único pub de verdade na cidade, a maioria das pessoas não se importa com a qualidade da comida ou com as condições do local, desde que obtenham o que pediram.
A delegacia é onde menores criminosos são mantidos antes de serem julgados. Gyeongchal é o chefe corrupto da polícia, um draconato branco prateado, com um belt of dwarvenkind que ele recentemente recebeu de Sanjeog e gloves of snaring missiles que lhe permitem reduzir ataques de armas à distância em 1d10 + seu modificador de destreza. Se os personagens são pegos por algum crime, como roubo ou assassinato, eles passam 1d4 + 2 horas esperando por um julgamento, onde Gyeongchal decide que eles são culpados e colocam seus nomes para extermínio por Terrasys, pois ele realmente não se importa o suficiente para manter criminosos trancados aumentando seu trabalho. É mais fácil envia-los para serem alvejados pela luz mágica nos céus.
As escadas do segundo nível são longas e grandes, feitas de ossos e lama que levam as pessoas ao segundo nível, um platô de 100 pés. acima da colina mais alta.
Silheomsil é um laboratório escondido na base do platô, veja mais abaixo.
Taiteuhan Maejang é o mercado da cidade, centenas de dragonborn passam o dia lotando as quatro ruas que compõem o que é apelidado de mercado de terra. Dezenas de vendedores ambulantes colocam seus itens sobre mesas de madeira e osso, gritando um com o outro e chamando os clientes a experimentarem frutas ou carne. As pessoas vendem e usam drogas abertamente nessas ruas e não é incomum ver alguém desmaiado sendo assaltado. Os membros da Sanjeog ganham dinheiro nesse mercado vendendo itens mágicos incomuns e raros que não desejam mais.
Missões no primeiro nível:
Picada de mosquito
Os agentes de Sanjeog descobriram que um item mágico chamado “Mordida de Mosquito” (adaga que cura 1d4 com 3 cargas diárias) está na posse de um viajante gith noble que está passando pela cidade procurando comprar drogas. O githzerai, que leva o nome de Nullak Azarzig, é atacado quando os PCs passam pelo mercado. Ele lhes dá 400gp se eles o protegerem e salvarem sua adaga. Se eles não fizerem nada, no dia seguinte a adaga estará disponível para compra no mercado. O grupo de atacantes consiste em três bandits draconatos de cobre e um bandit captain dragonborn.
Criança perdida
Eomeoni é uma plebéia draconata de cobre, cujo filho fugiu para o segundo nível. Ela está disposta a dividir com três dias em rações (toda a comida que ela possui) em troca de seu filho. A criança, Adeul, pode ser encontrada no segundo nível dentro de 1d4 horas e está disposta a voltar com os personagens, se eles forem amigáveis.
O oblex
Sasil é um draconato de ouro noble que vive em uma das colinas mais altas da cidade. Ela está preocupada com sua criada draconata de cobre, que está agindo de forma estranha. Ela pergunta se alguém pode falar com a empregada e investigar. A empregada, chamada Gajeongbu, está angustiada depois de descobrir o marido de seu chefe, um draconato de prata chamado Geojis foi substituído por um Oblex adulto, embora a empregada não saiba o que é um oblex, ela sabe que o draconato cheira e fala de maneira estranha. Ao ser descoberto, o oblex mata e assume o lugar de Sasil, tenta demitir os heróis além de consumir a criada.
Porta estranha
Um draconato desabrigado, cujo nome há muito esquecido, diz que viu uma porta na base da pedra do terceiro nível. Se os personagens investigarem com ele, encontrarão a porta do laboratório Silheomsil.
Ajude os Stormcloaks
Banlangun é um draconato de prata do grupo Zhànshì que está tentando levar uma caixa de alimentos altamente calóricos de Apollinaris para Ariadne, para alimentar os pobres em sua região de controle, mas a caravana foi atacada por um wyvern a caminho e perdeu a comida. Ele paga aos personagens que ajudam com qualquer arma +1.
Ajude a padaria
A padaria Miànbao está contratando pessoas suspeitas para espancar dois jovens bandidos que não pagaram pelo "pão". Os jovens drogados são dois draconatos de cobre chamados Malih e Wana e podem ser encontrados usando drogas em uma casa abandonada.

Segundo nível - Dierji

O segundo nível, chamado Dierji, é o local reservado para os dragões menores que ainda são considerados superiores aos draconatos. É uma milha de largura e duas milhas de comprimento. Para atingir esse nível, você precisa subir as escadas do segundo nível ou voar 100 pés da colina mais alta da cidade. Das escadas, os personagens encontram uma estrada dourada que leva aos portões do terceiro nível, enquanto nesta estrada, os personagens não são atacados por nenhuma criatura do segundo andar.
Aqui drakes, wyverns e pseudodragon vivem em uma floresta de árvores esparsas e chão rochoso, com a maioria dos alimentos sendo os restos dos banquetes dos dragões no nível mais alto.
O grande monte coberto de plantas e musgo visto no meio deste andar é uma tartaruga-dragão criada tristemente por Partum Lapis longe da água. Incapaz de deixar o platô, a tartaruga-dragão descansa, aguardando algumas mudanças e permite que ela voe para longe ou se teleporte para o oceano, o nome da tartaruga-dragão é Olaedoen San. Para cada hora que se move por esse nível, role para a tabela de encontros aleatórios:
d100 Encontro : ---: : ------------ 1 - 25 Nada. 26 - 40 1d4 + 2 guarda azul drakes. 41 - 55 1d4 - 1 wyverns (min. 1). 56 - 70 1d6 pseudodragões. 71 - 99 1d4 preto guarda drakes liderar por 1 guarda vermelho drake. 100 Olaedoen San
Para alcançar o terceiro nível, os personagens devem andar pela estrada dourada, uma caminhada de uma hora feita pelos kobolds para esgotar quem tentar alcançá-los. Deixar a trilha reduz a viagem para 20 minutos, mas as câmeras na floresta registram os rostos dos personagens e enviam para a Terrasys. Observar a câmera antes de ser gravada exige um teste de Sabedoria (percepção) CD 18.

Terceiro nível - Shenji

O terceiro nível, chamado Shenji, é o lar dos verdadeiros dragões metálicos. Elas vivem em êxtase ignorante, recebendo tesouros e comida dos kobolds, que lentamente envenenam a rainha em um monstro maligno ganancioso, para seu ritual. Esse envenenamento faz com que ela às vezes aja como seu equivalente maligno.
O plano kobold
Trinta kobolds moram no terceiro andar, comandados por Lashi, um artífice kobold de pele vermelha com um arco curto +1. O plano deles é fazer com que a rainha do dragão Hwang-geum devore seus subordinados durante um eclipse duplo (quando as duas luas cruzam o sol ao mesmo tempo). Fangpi, um warlock kobold de pele vermelha, com uma capa de banco de montanhas, é o responsável para o ritual e o veneno alimentar, ele nunca sai da sala do trono. Chuwanwei é um inventor kobold de pele azul com um anel de proteção e uma inteligência de 23, que é o único capaz de comandar a Terrasys, usando um computador antigo que ela consertou usando livros encontrados no laboratório.
Os jogadores podem encontrar alguns dragões neste nível:
Huang Tóng é uma dragão de bronze adulta faladora e curiosa, ela rapidamente aprende novos idiomas e gosta de perguntar sobre a cultura local. Ela tem muito medo de ir contra a rainha e voará para longe em caso de briga.
Qīng Tóng é uma dragão de bronze adulta, animada e contente, que gosta de assumir a raça da pessoa com quem está falando. Ela pode ser convencida a vir para o lado dos jogadores, se eles parecerem curiosos e aventureiros.
Long Tóng é uma dragão de cobre adulta sempre cercada por fairy dragons que ela chama de filhos, eles adoram brincar com outros dragões e kobolds. Ela tentará parar qualquer briga que aconteça, até a morte.
Yín Dàshī é uma dragão prateada adulta preguiçosa, que passa a maior parte do tempo dormindo e contemplando sua reflexão sobre as jóias que possui. Ela é leal à rainha do dragão e a defenderá a todo custo.
Jīn Tàiyáng é uma dragão de ouro adulta estudiosa, mas cautelosa, ela finge comer a comida que os kobolds lhe trazem, mas à noite ela caça pássaros para se alimentar. Ela é magra e fraca, mas já suspeita das tramas dos kobolds. Se ela conseguir uma desculpa para deixar o palácio e investigar, ela irá. Ela é a única pessoa que ajudaria os personagens com qualquer coisa que eles precisassem sem precisar convencer o necessário.
Hwang-geum é a rainha do dragão de Ariadne, ela foi envenenada pelos kobolds e seu corpo mostra sinais de corrupção. Em vez de ficar completamente coberta de ouro, Hwang-geum tem uma energia escura fluindo sob suas escamas, o que é visível para quem olha atentamente para seu corpo ou à vista de todos quando olha para seus olhos. Suas escamas de ouro também estão se tornando cromáticas, com cores diferentes crescendo em lugares diferentes. Ela se comporta como um dragão de ouro na maioria das vezes, no entanto, quanto mais tempo uma conversa é, mais impaciente ela se torna e mais violenta.
Hwang-geum é uma dragão de ouro adulto com o seguinte ataque de sopro no lugar do sopro de fogo: ___ > Respiração por plasma (custa 3 ações). Hwang-geum respira uma explosão de plasma quente em um cone de 90 pés. Cada criatura nessa área deve fazer um teste de resistência de Destreza CD 21, recebendo 72 (16d8) de dano de fogo em um teste que falhou, ou metade do dano em um teste de sucesso. Todo objeto de metal em contato com a respiração começa a brilhar em brasa. Qualquer criatura em contato físico com esses objetos recebe 9 (2d8) de dano de fogo. Se uma criatura estiver segurando ou usando os objetos e sofrer o dano, a criatura deve ter sucesso em um teste de resistência à Constituição ou soltar o objeto, se puder. Se não soltar o objeto, ela tem desvantagem nas jogadas de ataque e nos testes de habilidade até o início do seu próximo turno. Se os kobolds conseguem corromper Hwang-geum, ela se torna uma Tiamat Falha.
Locais no terceiro nível:
Os túneis de entrada são uma série de intricados corredores esculpidos e guardados por kobolds para impedir que alguém veja os dragões sem permissão. A movimentação pelos túneis garante encontrar pelo menos uma patrulha de 2d6 kobolds e 1d4 kobold inventores.
A sala do trono é conectada ao laboratório pelo elevador e conectada à parte externa através dos túneis de entrada. Três dragões estão sempre aqui, conversando frivolamente sobre filosofia e vida, às vezes discutindo fervorosamente a ética, o bem e o mal. No entanto, uma vez por mês, Hwang-geum chega ao trono, e todos sentam-se em silêncio enquanto a rainha faz discursos incoerentes sobre traição e conspiração, após o qual ela volta ao seu covil para comer e ter delirantes discursos por si mesma, planejando e descobrindo coisas que não são reais.
Fonte mágica Esta fonte mágica brilha uma luz amarela brilhante sobre os jardins, pois cria 1d4 gramas de ouro a cada hora.
O covil do conselho é um jardim gigantesco onde o conselho mora, cada dragão tem um lugar favorito, Huang dorme sobre uma enorme árvore nas margens do jardim, Qing construiu casas de diferentes raças para viver, e cada dia ela dorme parecendo um diferente Por um lado, Longa vida entre as flores e dorme em um monte perto da floresta, Yín dorme o dia todo no seu tesouro perto de Hwang-geum e Jīn quase nunca dorme, em vez de voar para o primeiro nível e ouvir a conversa nas ruas.
O Great Wyrm Lair é uma antena parabólica que se comunica com a Terrasys, que também serve como o covil de Hwang-geum. O prato tem 1.000 pés de amplitude está cheio de tesouros dos impostos que os draconatos pagam, todo mês seu tesouro aumenta enormemente, mas sua ganância nunca acaba. Um personagem pode acessar o controle direto dos Terrasys na base da antena parabólica com três verificações bem-sucedidas de inteligência DC 20 usadas para compreender e assuma o controle do satélite, cada verificação executa uma ação.
Tesouro: 42.000 peças de ouro, 3.300 peças de platina, uma cota de malha +1, uma espada vorpal, um caixão de criança em ouro puro (7500gp), espada longa dourada com bainha de platina (7500gp), 5000gp em escamas douradas, um trono de cristal feito por elfos de Granicus (5000gp), um mármore brilhante feito de éter puro (4000gp), a cabeça com joias do primeiro gigante nascido neste mundo (4000gp), uma corrente de ouro (2000gp), uma harpa de Granicus (2000gp), um escudo de bronze com um diamante no centro (500gp).

Lab Silheomsil

Entrada
Para entrar pela primeira porta, os caracteres devem passar por uma verificação de Inteligência DC20 (investigação) que permite que eles encontrem um botão oculto ainda funcionando. A porta no final da entrada só abrirá quando todos estiverem do lado de fora. O salão bombeia a sala cheia de ar e abre a segunda porta do vestiário.
O vestiário está cheio de roupas rasgadas e podres, a maioria ainda dentro dos guarda-roupas de metal. Os personagens podem avançar para o segundo andar por escadas, pois o cofre do elevador está vazio nesse andar. Um espectro de uma cientista morta chamada Moriana Bohn percorre este andar, atacando à primeira vista.
Armazenamento
O armazenamento contém dezenas de caixas de madeira cheias de pedras e sujeira que costumavam ser estudadas pelos cientistas deste laboratório.
Um personagem que investiga a sala encontra documentos detalhando estudos sobre a terraformação de um planeta chamado Marte, sobre a quantidade de oxigênio e hidrogênio no solo e as plantas para um poderoso sistema de aquecimento a ser colocado em um satélite. Os personagens podem avançar para o terceiro andar através de escadas, pois o cofre do elevador está vazio nesse andar.
Laboratório
Um único computador está quebrado no chão e as escadas para o quarto nível estão enterradas sob toneladas de pedras. Sobre os papéis de mesa de metal, cheios de cálculos para o satélite, estão sob o corpo de um cientista, que segura uma faixa de intelecto. Interagir com o corpo desperta o fantasma do cientista, que acredita que os personagens estão tentando roubar sua pesquisa. Na vida, seu nome era Edd Murray e ele é tão implacável na morte quanto na vida, quando lançava estagiários no deserto do planeta marciano com apenas um tanque de oxigênio se eles não obtivessem os resultados que ele esperava. Os personagens podem entrar no elevador neste andar e rastejar através de um buraco no teto para alcançar o quarto andar.
Sala de jantar
Comida podre por trezentos anos repousa sobre a mesa central, enquanto um fogão a gás enche a sala com gás explosivo. Qualquer feitiço ou faísca de fogo criado dentro desta sala explode a sala inteira, fazendo com que todos dentro sofram 2d6 de dano de fogo e a sala fique sem ar por três minutos. Duas sombras atacam bons caracteres alinhados assim que chegam à mesa. Os personagens podem avançar para o quinto andar através de escadas, pois o cofre do elevador está vazio nesse andar.
Quartos de dormir
Os corpos de três cientistas estão no chão, ainda em suas camas. Dois deles eram casados, e o marido agora é um Allip depois de um sonho ter vislumbres do futuro, o fim dos seres humanos e o nascimento da magia. Ele tenta colocar na mente do personagem visões de humanos tocando um meteorito e depois se tornando ladrões. Os personagens podem avançar para o sexto andar por escadas, pois o cofre do elevador está vazio nesse andar.
2 quartos
Cinco cientistas voltaram à vida como zumbis irracionais e vagam pelo chão tentando comer qualquer coisa que possam ver. Os personagens podem avançar para o sétimo andar através de escadas, pois o cofre do elevador está vazio nesse andar.
Centro de Controle
Um laptop em funcionamento neste andar é administrado por Ling Yao, um artífice kobold. Um grande datacenter registra tudo, de posições a rostos de criminosos procurados. Ling insere criminosos aqui para permitir que os Terrasys os eliminem.
Ele é acompanhado por sua torre, dez guardas kobold e um veterano kobold. O datacenter tem um AC de 20 e 200 pontos de vida. Uma vez destruído, o Terrasys é incapaz de atingir qualquer pessoa específica. Os personagens podem usar e modificar dados no computador com três testes de inteligência bem-sucedidos do DC 20. Os personagens podem alcançar o nível da sala do conselho através do poço do elevador.
submitted by jvcscasio to rpg_brasil [link] [comments]


2019.12.01 03:54 altovaliriano Oberyn Martell

A Víbora Vermelha é o personagem deste sábado.
Oberyn foi o segundo filho da princesa de Dorne e um consorte (ambos sem nome até o momento). A diferença de idade para seu irmão mais velho (aproximadamente 10 anos) o fez mais próximo de sua irmã mais nova, Elia.
Ele é descrito como um homem voluntarioso e destemido, provido de uma mente e uma língua afiadas. Sua fama como guerreiro é reconhecida por metade do reino, assim com seu comportamento errático. Em suma, era considerado poderoso e perigoso.
O segundo príncipe de Dorne foi criado em Arenito, do outro lado da região, bem longe de Lançassolar, em meio à Casa Qorgyle. Talvez essa experiência tenha lhe fornecido amigos entre os dorneses arenosos.
Na juventude, Oberyn viajou com Elia e sua mãe à procura de casamentos entre grandes casas. É sabido que eles foram mal recebidos em Rochedo Casterly, o que depois levou a Princesa sem nome de Dorne a procurar uma aliança por casamento com os Targaryen. O que é menos debatido é que provavelmente durante a estadia em Vilavelha desta viagem é que Oberyn concebeu sua primeira filha, Obara, algo que conheci através das reflexões de um youtuber chamado Maglor.
Assim, Oberyn era amado por toda parte e teve diversas amantes. Uma delas foi a amante de Lorde Edgar Yronwood, que então o desafiou para um duelo. Todos conhecem a história. O duelo que era apenas até o primeiro sangue, resultou na morte de Lorde Edgar e rendeu a Oberyn o apelido de Víbora Vermelha. Para fazer paz, Oberyn foi enviado à Cidadela e a Lys, em exílio, para aplacar os Yronwood.
Como sugere Maglor, deve ter sido durante o tempo em Lys que Oberyn teria concebido Nymeria em uma nobre local. Só depois, quando estudou na Cidadela é que Oberyn teria se envolvido com uma mulher da Fé. Esta ordem parece fazer mais sentido. Caso contrário teríamos que assumir que Oberyn haveria tido um caso uma Septã em Lys, o que seria muito esquisito e digno de nota.
Contudo, há uma sugestão de que Oberyn não tenha permanecido em Dorne após o exílio. Embora não se possa dizer se Oberyn operou como mercenário nas Terras Disputadas durante o depois do exílio em Lys, Martin respondeu em 2008 ser possível que o príncipe estivesse nas Terras Disputadas durante a Rebelião de Robert (vide declarações abaixo).
Assim, Oberyn pode ter conhecido a mãe de Sarella, uma pirata ilhéu do Verão, na Cidadela, em Dorne ou em Essos por volta do ano 280 DC. Como a próxima de suas filhas só nasceria quase 5 anos depois, é possível que Oberyn só tenha iniciado seu romance com Ellaria Sand depois do fim da Rebelião de Robert, quando supostamente retornou a Dorne de uma vez.
Fato é que neste tempo em que esteve em Essos, Oberyn fez parte da companhia mercenária Segundos Filhos por um tempo, para depois fundar sua própria companhia, sobre a qual não temos nenhuma informações, nem mesmo o nome.
Semana passada, eu e u/paulovitor88 estávamos discutindo justamente a identidade da companhia e filtramos as possibilidades até os Corvos Tormentosos, Longas Lanças e Homens Galantes. Nada impede também que a companhia de Oberyn tenha sido a dos Bravos Companheiros, agora liderada por Vago Hoat (como muitos leitores acreditam que seja). Porém, o mais certo é que não tenhamos ouvido falar nela ainda.
Oberyn era presença costumeira em torneios, podendo ter disputado justas até mesmo depois da Rebelião. De fato, como Oberyn acidentalmente aleijou Willas Tyrell no primeiro torneio do herdeiro de Jardim de Cima (que nasceu entre 270-276 DC), existe a possiblidade de que Oberyn tenha comparecido a Jardim de Cima depois que Robert tomou o Trono.
Se o fato ocorreu após a deposição dos Targaryen devem ter sido momentos de tensão, o que combina muito bem com o temperamento ousado de Oberyn. Mas a tensão não perdurou devido a Willas não ter guardado rancor de Oberyn e ainda ter mantido correspondência com o Dornês para falar da paixão comum por cavalos.
Eu particularmente acho que o perdão veio fácil demais para não haver algo a mais. E em vista da fama de Oberyn como bissexual e a liberdade sexual que os filhos de Mace Tyrell parecem desfrutar, não me surpreenderia se entre o dornês e o rapaz tenha havido um relacionamento romântico.
Sobre a Rebelião de Robert em si, a história que se conta é que o Príncipe fez uma tentativa de levantar Dorne em favor de Viserys quando Robert chegou ao Trono. Oberyn só foi acalmado quando a mão do Rei, Jon Arryn, foi pessoalmente a Dorne para selar a paz com Doran. Não se sabe o que foi dito no encontro, mas o fato de que Doran tenha controlado a raiva do irmão e o cooptado para seu próprio plano de vingança demonstram a extensão da influência de Doran sobre Oberyn.
De fato, a relação entre os irmãos é demasiado esquisita. Ambos falam eloquentemente da má fama do outro, mas ainda assim eram muito próximos. Arianne conta que, durante o tempo em que Doran esteve nos Jardins de Água, Príncipe Oberyn era convocado duas vezes por quinzena enquanto a própria Arianne só aparecia duas vezes por ano.
Apesar de sua natureza errática, Oberyn parecia obedecer e confiar em Doran. Oberyn não ter se casado e gerado filhos legítimos parece indicar que tinha pouco interesse em derrubar o irmão. Juntos, Doran e Oberyn foram capazes de selar um pacto de casamento entre Viserys e Arianne em Braavos e quase fizeram os noivos se conhecer em Tyrosh. Tudo somente veio abaixo quando Viserys morreu, mas mesmo assim, como visto acima, Doran e Oberyn continuaram a se encontrar com suspeita frequência.
Não seria estranho que Doran utilizasse o amor que Dorne sentia por Oberyn para manter seus súditos calmos. Oberyn deve ter operado como testa de ferro de Doran por muitos anos. Quando o irmão mais velho se mudou para os Jardins de Água, Oberyn agia virtualmente como Senhor de toda Dorne. Então provavelmente Oberyn foi a pessoa que ficou sabendo primeiro da oferta de Tyrion de trazer justiça para Elia, enviar Myrcella para casar com Trystane e abrir um assento no pequeno conselho para Doran.
Devido a problemática condição de Doran, Oberyn foi indicado para assumir o assento no conselho. Contudo, desde que pisou nas Terras da Coroa, Oberyn tratou de provocar Tyrion com planos de coroar Myrcella e intenções de estender a justiça por Elia até chegar a Tywin. No fim, tudo isso foi a sua perdição. Há uma teoria, contudo, de que Oberyn ao menos teria conseguido envenenar Tywin, o que poderia tê-lo levado à morte caso Tyrion não houvesse assassinado o pai primeiro.
Mas agora ambos Oberyn e Tywin estão mortos e seus legados foram convulsões políticas que não exatamente foram dissipadas ainda, seja em Dorne, seja no restante do Reino.

Declarações de Martin sobre Oberyn

As perguntas

  1. A espada com que Oberyn lutou contra Lord Yronwood estava envenenada?
  2. Oberyn e Willas Tyrell já tiveram alguma relação amorosa?
  3. O que você acha das filhas de Oberyn? São tão interessantes quanto o próprio víbora vermelha?
  4. A companhia de mercenários criada por Oberyn em Essos já apareceu nos livros?
  5. Como Doran conseguiu manter Oberyn sob controle todos esses anos?
  6. Oberyn tinha real intenção de coroar Myrcella ou era apenas papo furado?
  7. Oberyn Martell realmente envenenou Tywin Lannister?
  8. Que impacto a morte de Oberyn terá no futuro da história?
submitted by altovaliriano to Valiria [link] [comments]


2019.11.12 21:42 xi_save_earth Um guia para o golpe boliviano de 2019 (tradução automática)

Conteúdo original de https://pastebin.com/WWKsnBqR.
Reuni isso para combater os argumentos que tenho visto com mais frequência em relação ao golpe contra Evo Morales na Bolívia.

Reivindicação 1: Evo encheu o tribunal cheio de partidários para que ele pudesse se tornar presidente vitalício

Em 2016, foi realizado um referendo para determinar se Evo Morales seria capaz de concorrer à reeleição. Ele perdeu por pouco este referendo.
Evo Morales concordou em cumprir os resultados do referendo de 2016, impedindo sua candidatura à reeleição até o Supremo Tribunal reverter a decisão.
https://www.lostiempos.com/actualidad/pais/20171129/tribunal-constitucional-avala-reeleccion-indefinida-evo-morales
Muitos estabelecimentos ocidentais alegaram que Evo Morales lotou a corte para manter o poder. No entanto, esta afirmação é questionável.
A constituição boliviana de 2009, aprovada por referendo, especifica o processo pelo qual uma pessoa é submetida ao Supremo Tribunal Federal. Você pode ler a constituição completa aqui: https://web.archive.org/web/20090521023641/http://www.presidencia.gob.bo/download/constitucion.pdf
O processo é o seguinte: Os candidatos ao tribunal constitucional são pré-selecionados pela Assembléia Legislativa. Há um juiz correspondente a cada um dos nove departamentos (estados) da Bolívia. Cada estado vota em seu juiz e o vencedor do voto popular é colocado na quadra.
É absolutamente desonesto agir como se o processo de seleção boliviano fosse menos democrático do que o que existe na grande maioria do mundo. Nos Estados Unidos, os juízes da Suprema Corte são selecionados por uma pessoa (o presidente, que nem precisa ter ganho um voto popular em todo o país) e aprovados sem nenhuma contribuição dos cidadãos pelo Senado (a câmara do Congresso que menos reflete a popularidade vontade, pois é independente da população).
Evo está no poder desde 2006. Embora seja uma quantidade decente de tempo, não vamos esquecer que Angela Merkel é a chefe do ramo executivo da Alemanha desde 2005, e ninguém está questionando seu mandato.

Reivindicação 2: a eleição de 2019 foi cheia de irregularidades ou fraudada

Essa narrativa foi perpetuada pela OEA e por grupos de oposição na Bolívia sem provas.
A primeira alegação de irregularidades eleitorais foi publicada em um comunicado de imprensa da OEA (https://www.oas.org/en/media_centepress_release.asp?sCodigo=E-085/19). A reivindicação deles:
A Missão da OEA manifesta sua profunda preocupação e surpresa com a mudança drástica e difícil de explicar na tendência dos resultados preliminares revelados após o encerramento das pesquisas.
Às 19:40 do domingo, 20 de outubro, o TSE divulgou os resultados do TREP. Esses números indicavam claramente uma segunda rodada, uma tendência que coincidia com a única contagem rápida autorizada e o exercício estatístico da Missão. Nossas informações foram compartilhadas hoje com o TSE e o Ministério de Relações Exteriores.
Às 20:10, o TSE parou de divulgar resultados preliminares, por decisão do plenário, com mais de 80% dos votos contados. 24 horas depois, o TSE apresentou dados com uma inexplicável mudança de tendência que modifica drasticamente o destino da eleição e gera uma perda de confiança no processo eleitoral.
Para entender essa situação, é preciso primeiro entender o sistema eleitoral da Bolívia. Essa análise estatística, conduzida pelo Centro de Pesquisa Econômica e Política em Washington DC, fornece uma boa visão geral do sistema eleitoral: http://cepr.net/images/stories/reports/bolivia-elections-2019-11.pdf?v=2
Há potencialmente duas rodadas nas eleições presidenciais da Bolívia. Um candidato que recebe mais de 50% dos votos, ou pelo menos 40%, com 10 pontos percentuais de vantagem sobre o vice-campeão no primeiro turno, é declarado vencedor. Se nenhum candidato atender a um desses requisitos, os dois candidatos com mais votos deverão se enfrentar nas eleições de segundo turno.
...
O TSE possui dois sistemas de contagem de votos. O primeiro é uma contagem rápida, conhecida como Transmissão de Resultados Eleitorais Preliminares (TREP, a seguir denominada contagem rápida). Este é um sistema que a Bolívia e vários outros países latino-americanos implementaram seguindo as recomendações da OEA. Foi implementado para a eleição de 2019 por uma empresa privada em conjunto com o Serviço de Registro Cívico (SERECÍ), o serviço de registro civil, e foi projetado para fornecer um resultado rápido - mas incompleto e não definitivo - na noite das eleições para dar aos meios de comunicação uma indicação da tendência de votação e informar o público. É improvável que o TSE processe 100% dos resultados na contagem rápida de votos em todo o país devido a limitações logísticas e a quantia processada pode variar amplamente de acordo com a geografia e o tipo de votação. Por exemplo, no referendo constitucional nacional de 2016, processou 81,2% dos resultados antes de realizar uma conferência de imprensa por volta das 18h15. na noite da eleição. Os resultados do referendo autônomo de 2016 foram divulgados para cada jurisdição, com 66,7 a 100% dos resultados processados ​​às 19h30. na noite da eleição. Nas eleições judiciais de 2017, uma Missão de Especialistas Eleitorais da OEA elogiou o desempenho do sistema de contagem rápida por divulgar os resultados em 80%, por volta das 21h30.
O segundo sistema de contagem de votos é a contagem oficial (ou cómputo), que é juridicamente vinculativa sob a lei boliviana. A contagem oficial é mais completa e precisa e leva mais tempo. É o único sistema válido de contagem de votos, e o TSE o utiliza para determinar e anunciar os resultados finais das eleições.
Após a conclusão da votação, as cédulas individuais são contadas nas estações de voto e agregadas em actas ou folhas de registro. Para a contagem rápida não vinculativa, os resultados das folhas de registro são enviados aos operadores de verificação SERECÍ por meio de um aplicativo móvel, juntamente com fotos das próprias folhas. As fichas de registro são então enviadas fisicamente para um Tribunal Eleitoral Departamental (TED), onde as informações são verificadas e inseridas na contagem oficial.
O mesmo relatório também indica que o salto nas votações observado pela OEA não era apenas estatisticamente possível, mas provável. A interrupção nas transmissões do TREP ocorreu porque demorou mais tempo para a votação rural chegar. De qualquer forma, nenhuma irregularidade ocorreu na contagem oficial.
Além disso, uma análise das pesquisas de opinião na Bolívia antes das eleições parece mostrar resultados semelhantes. Pesquisas entre eleitores elegíveis mostraram que Evo recebeu entre 42,8 e 51,9% dos votos contra 25,6 a 34,3% de Mesa: https://www.as-coa.org/articles/poll-tracker-bolivias-2019-presidential-race
Os resultados oficiais das eleições, se é que mostram alguma coisa, mostram um leve impulso para Mesa, com Morales recebendo 47,08% e Mesa recebendo 36,51% dos votos. Esses resultados não são muito diferentes das pesquisas anteriores à eleição.
No entanto, no domingo, a OEA divulgou sua auditoria das eleições e recomendou uma nova eleição. Reservei um tempo para ler esta auditoria e determinar quais eram as suas queixas. Você pode encontrar o texto dessa auditoria aqui (em espanhol): http://www.oas.org/documents/spa/press/Informe-Auditoria-Bolivia-2019.pdf
Suas queixas, resumidas:
Criticou a segurança e o procedimento dos sistemas de computador, tanto para a contagem rápida quanto para a oficial, incluindo reclamações sobre como foi testado, configuração do servidor e controles de acesso ao software.
O redirecionamento de transmissões de certas máquinas na contagem rápida TREP para um servidor externo não reconhecido.
Uma análise de várias irregularidades relatadas constatou que 23% delas eram credíveis.
A OEA reconheceu a dificuldade de verificar os resultados nos municípios de Chuquisaca, Beni, Pando, Potosí e Santa Cruz devido à destruição de cédulas e equipamentos eleitorais. [NOTA: essa destruição pós-eleitoral do material eleitoral ocorreu durante protestos organizados pela oposição de Morales por manifestantes antigovernamentais https://www.thenation.com/article/bolivia-elections-morales/]
Faltava segurança processual das eleições em vários distritos (regras que não são seguidas pelos funcionários eleitorais locais)
Em conseqüência, a OEA concluiu:
A equipe de auditoria não pode validar os resultados da presente eleição e recomenda outro processo eleitoral. O processo futuro deve contar com novas autoridades eleitorais para poder realizar eleições confiáveis.

Reivindicação 3: Este não é um golpe, mas uma restauração da democracia

Quando os resultados desta auditoria foram divulgados, Evo Morales concordou imediatamente com uma nova eleição com uma nova comissão eleitoral. Apesar disso, os líderes da oposição Carlos Mesa e Luis Fernando Camacho exigiram a renúncia de Evo e o impedimento de sua participação nas novas eleições. https://www.theguardian.com/world/2019/nov/10/evo-morales-concedes-to-new-elections-after-serious-irregularities-found
Essa é uma demanda ... interessante: como a auditoria da OEA não encontrou evidências de manipulação por parte do governo Morales ou de seu conselho eleitoral, eles apenas encontraram falhas que poderiam ter sido manipuladas e sua recomendação era que o governo investigasse essas falhas e determinasse a responsabilidade. Exigir uma renúncia do Presidente parece uma postura bastante rígida nesse cenário.
Horas após esse anúncio, vários generais realizaram uma conferência de imprensa na qual pediram a Morales que renunciasse à presidência. Evo cedeu às suas demandas logo depois, concordando em renunciar como presidente para "garantir a paz social".
https://elpais.com/internacional/2019/11/10/actualidad/1573386514_263233.html
Autoridades policiais e militares começaram a prender funcionários da Suprema Corte, funcionários do Tribunal Eleitoral e políticos do partido MAS depois que Evo renunciou.
https://www.notimerica.com/politica/noticia-bolivia-detenidos-25-miembros-tribunales-electorales-irregularidades-comicios-presidenciales-20191111172213.html
Houve um colapso civil, com apoiadores de ambas as partes atacando casas e prédios do governo. A casa de Evo Morales foi arrombada e saqueada. A embaixada da Venezuela na Bolívia também foi demitida.
https://www.clarin.com/mundo/atacaron-casa-evo-morales-cochabamba-saqueos-varias-ciudades-bolivia_0_6zbi-rOV.html
Os líderes da oposição entraram no palácio do governo ainda no domingo, incluindo Luis Fernando Camacho. A Wiphala (bandeira indígena que se tornou a bandeira secundária da Bolívia) foi derrubada. Um dos participantes (um pastor) colocou uma Bíblia na bandeira boliviana e disse: “A Bíblia voltou ao palácio. O Pachamama nunca mais voltará. ”O Pachamama é uma deusa importante do povo indígena da Bolívia.
https://www.jornada.com.mx/ultimas/mundo/2019/11/11/nunca-mas-volvera-la-pachamama-al-palacio-de-gobierno-en-bolivia-3923.html
O próprio Camacho é um ex-membro da União da Juventude de Santa Cruz, que, de acordo com Max Blumenthal, é uma organização nacionalista de direita explicitamente envolvida em violências anti-Morales e anti-indígenas.
https://thegrayzone.com/2019/11/11/bolivia-coup-fascist-foreign-support-fernando-camacho/
Os militares e a polícia já declararam que iniciarão operações para restaurar a ordem na cidade de El Alto. El Alto tem sido historicamente um local de protesto indígena e é uma área que apoia Evo Morales.
https://www.france24.com/es/20191112-bolivia-choques-policia-evo-mortales
Quase todos os políticos na linha de sucessão imediata deixaram o cargo ou foram presos após a remoção de Morales. Isso inclui Alvaro Garcia, ex-vice-presidente, e a presidente do Senado, Adriana Salvatierra (ambos membros do MAS). Jeanine Añez, líder da oposição no Senado, reivindicou o papel de presidente interina. Em outras palavras, o líder do partido minoritário na câmara alta assumiu o controle do poder executivo, apesar de o mandato de Morales das eleições de 2014 o ter mantido no cargo até janeiro do próximo ano, quando o próximo presidente seria ser inaugurado.
https://www.elpais.com.uy/mundo/renuncia-evo-morales-quedara-cargo-bolivia.html
Morales procurou asilo no México e chegou lá hoje. Jeanine Añez disse que o único objetivo de seu governo de transição é promover novas eleições, mas ainda não foi definida uma data. As duas casas do Congresso ainda precisam confirmar sua presidência.
https://www.bbc.com/news/world-latin-america-50383608
No que diz respeito a um golpe, não importa realmente se a auditoria da OEA é precisa na avaliação da fraude eleitoral.
Evo Morales concordou imediatamente em atender ao pedido e só se demitiu depois que os militares o pediram. Definitivamente, isso é um golpe de estado e é altamente incomum que não esteja sendo relatado como tal, especialmente porque atualmente não há presidente em exercício, mas os militares já começaram ações de execução unilateralmente em El Alto.

Bônus: Esta é obviamente uma operação apoiada pelos EUA, certo?

A análise histórica básica leva a suspeitar do envolvimento dos EUA de uma forma ou de outra, mas é importante poder apoiar essas alegações com evidências.
Recentemente, uma série de gravações de áudio vazadas parece ter fornecido as primeiras evidências claras de envolvimento externo na Bolívia. 16 gravações de áudio sugerem que figuras do governo americano, colombiano e brasileiro falaram e apoiaram líderes da oposição boliviana em seu objetivo de remover Morales do poder. Os senadores norte-americanos Marco Rubio, Bob Menendez e Ted Cruz são todos mencionados pelo nome. Os planos descritos nas gravações de áudio vazadas incluem a queima de casas de políticos e o ataque à embaixada cubana.
https://elperiodicocr.com/bolivia-filtran-audios-de-lideres-opositores-llamando-a-un-golpe-de-estado-contra-evo-morales/
Marco Rubio já havia twittado expressando preocupação com as eleições bolivianas logo após as eleições, antes que a OEA emitisse sua declaração de preocupação com as eleições. Rubio escreveu seu tweet às 10h12, enquanto o relatório da OEA era publicado por volta das 21h.
https://twitter.com/marcorubio/status/1186284033178767361 https://twitter.com/OAS_official/status/1186456799089692673
Donald Trump aplaudiu o exército boliviano por remover Evo Morales, chamando sua renúncia de "vitória para a democracia". https://www.whitehouse.gov/briefings-statements/statement-president-donald-j-trump-regarding-resignation-bolivian-president-evo-morales/
O Grayzone informou sobre ligações entre membros da oposição boliviana e agentes de mudança do regime de inteligência dos EUA. O fundador da Rios de Pie, uma organização supostamente ambientalista, tem vários vínculos circunstanciais com a CANVAS, um grupo vinculado à CIA que esteve envolvido em várias operações de mudança de regime. Não é uma prova concreta de nada, mas é suspeita. https://thegrayzone.com/2019/08/29/western-regime-change-operatives-launch-campaign-to-blame-bolivias-evo-morales-for-the-amazon-fires/
Edit: Yuri Calderón (o general que exigiu a renúncia de Morales) trabalhou como adido militar em DC em 2013, e com a APALA (Polícia Agregada da América Latina), com sede em DC.
https://twitter.com/jebsprague/status/1193986589749211136?s=21
Não posso dizer com absoluta certeza que os EUA estiveram envolvidos nesse golpe, mas as considerações históricas e as evidências circunstanciais correspondem a um padrão de operações anteriores de mudança de regime apoiadas pelos EUA em um grau significativo.
Independentemente da sua opinião sobre Evo Morales e se a eleição é questionável, há boas razões para se preocupar com a situação na Bolívia, especialmente para as populações indígenas que historicamente enfrentam violência e opressão racistas. Já vimos atos destrutivos contra símbolos indígenas e os vínculos entre os golpistas e grupos de extrema-direita são significativos.ência, a OEA concluiu:
A equipe de auditoria não pode validar os resultados da presente eleição e recomenda outro processo eleitoral. O processo futuro deve contar com novas autoridades eleitorais para poder realizar eleições confiáveis.
submitted by xi_save_earth to BrasildoB [link] [comments]


2019.07.29 21:46 altovaliriano Alys Qoherys e outras sementes de dragão nas Terras Fluviais

Eu recentemente fui apresentado ao fato de que a Casa Qoherys, do mestre-de-armas de Pedra do Dragão à época da Conquista de Aegon, que foi agraciado com um título de nobreza e posse de Harrenhal por seus serviços, era de ascendência valiriana.
Essa informação vem de uma fonte semi-canônica: as informações que GRRM passou a Elio e Linda para construção da seção The Citadel, do site westeros.org.
Quenton Qoherys (esse era seu nome) tinha dois filhos e era viúvo à época, de modo que Aegon arranjou para que ele se casasse com a segunda filha de Edmyn Tully, novo Lorde Supremo das Terras Fluviais. Não sabemos se Quenton teve novos filhos com sua nova mulher, nem quantos filhos seus filhos tiveram com suas eventuais esposas. Mas, como a Casa se encontra hoje extinta, nenhum dele é importante. Exceto pelo neto de Quenton, conhecido como Gargon, o convidado.
Eis o homem:
Quando Lorde Qoherys morreu ao cair do cavalo em 9 DC, o título foi passado a seu neto Gargon, um homem gordo e insensato, com um apetite indecente por meninas jovens, que veio a ser conhecido como Gargon, o Convidado. Lorde Gagon se tornou infame por comparecer a todo casamento celebrado em seus domínios a fim de poder desfrutar de seu direito como suserano à primeira noite. Difícil imaginar convidado menos bem-vindo em qualquer casamento. Ele também tirava proveito de esposas e filhas de seus próprios criados.
(F&B, Os filhos do Dragão)
Gargon acabou morto por Harren o Vermelho (suposto bastardo de Harren o Negro), com a ajuda de um pai cuja filha fora "honrada" por Gargon.
A questão é que, salvo Gargon tenha sido infértil, há uma grande chance dele ter gerado bastardos e espalhado genética valiriana pelas terras sob o poder de Harrenhal à época. Dessa forma, os personagens da plebe das Terras Fluviais desde então podem ter uma pitada de sangue de dragão em si.
Dessa forma, os personagens da plebe das terras fluviais podem ser olhados sob uma nova perspectiva. Minha mente foi diretamente para uma personagem em específico: a misteriosa bruxa Alys River. Ela viveu durante a Dança dos Dragões, foi amante muito querida do Príncipe Aemond Targaryen, e tinha poderes místicos inexplicáveis.
Como, ela foi encontrada por Aemond justamente em Harrenhal, é uma forte candidata a descendente Qoherys. Por outro lado, Fogo & Sangue Vol 1 terminou sem sabermos o que sucedeu a ela e ao filho bastardo que Príncipe Aemond pôs em sua barriga. Material para o próximo volume, aparentemente.
Mas a coisa não precisa terminar aí. Há personagens como Jenny de Pedravelhas, que era dita meio-louca e descendente dos Primeiros Homens (o que não impede que seja em parte sangue valiriano), fosse também uma descendente. Talvez Dunk e Egg viajem pelas Terras Fluviais e possam encontrar pessoas tocadas pelos sangue valiriano. Nas próprias Crõnicas de Gelo e Fogo, a história de Jaime e Brienne está sujeita a isso.
Assim, a porta realmente está aberta.
submitted by altovaliriano to Valiria [link] [comments]


2019.06.06 22:39 -MagnusBR Como encontrar Buracos Negros/Estrelas de Nêutron/Herbigs e Estrelas Wolf-Rayet

Como encontrar Buracos Negros/Estrelas de Nêutron/Herbigs e Estrelas Wolf-Rayet
Aviso: Eu não sou nenhum especialista, apenas descobri isto ontem e pensei que seria legal compartilhar aqui no Reddit.

Para encontrar as estrelas listadas no título você irá precisar usar o Mapa da Galáxia e mudar apenas algumas letras. MAS primeiro vamos entender como um nome de sistema funciona no exemplo abaixo:
Imagine que você está em um sistema chamado BOEPH ZG-Y C3-944
BOEPH é o nome do setor. (Isso as vezes pode ser 2 palavras como "BLUE EAEWSY" por exemplo);
ZG-Y é o código de 3 letras. (Mais informações sobre isso mais adiante);
Agora ainda temos o C3-944, A parte importante é a letra NÃO OS NÚMEROS(ignore os números).

Com isto explicado agora vamos entender como você pode usar esta importante letra a seu favor!
A letra pode variar entre A até H e é chamada de Mass Code(Código de Massa), um sistema cujo esta letra é A é provavelmente um sistema com uma única estrela e esta estrela é uma pequena(Tauri/Anã Marrom) e um sistema aonde esta letra é H este é um sistema que provavelmente irá conter Buracos Negros/Estrelas de Nêutron/Estrelas Wolf Rayet (Estrelas Super Gigantes também são comuns).

Agora para o código de 3 letras, eu pessoalmente não entendo como ele funciona especificamente, mas posso dizer bons códigos aonde você vai encontrar coisas legais, estes códigos são AA-A e DL-Y (Não é uma regra de ouro mas eu gosto deles).
Aviso: O código de 3 letras pode ser "qualquer" 3 letras(Por exemplo AA-A/BA-A/ZG-Y/OD-Z/... mas estes são os recomendados:
  • AA-A
  • BA-A
  • CL-Y
  • DL-Y
  • EG-Y
  • FG-Y
  • YE-A
  • ZE-A
  • você pode mudar o código de 3 letras se você quiser pesquisar por mais sistemas com "qualquer" código de massa (Por exemplo BOEPH AA-A H/BOEPH DL-Y/...).
Aviso Importante: O código de massa H apenas aparece em sistema cujo código de 3 letras é AA-A, outros códigos de 3 letras não irão conter sistemas com código de massa H!(Agradeçam tumama1388 por ter avisado sobre isto!)

Agora você pode usar o esquema abaixo para encontrar sistemas incríveis:
[Nome do setor] [código de 3 letras] [código de massa]
Por exemplo BLUE EAEWSY AA-A H
Então você só vai precisar clicar no botão de pesquisa quantas vezes você quiser e ele vai ciclar entre todas os sistemas que começam com BLUE EAEWSY AA-A H, e basta mudar o código de 3 letras após ter ciclado entre todos os sistemas do código de 3 letras atual.

Pesquisei 30/50 sistemas em cada código de massa e encontrei estas estrelas nos sistemas:
A = Principalmente Estrelas T / L
B = Principalmente Estrelas M
C = Principalmente Estrelas K / G / M
D = Principalmente Estrelas G / F / A / Anãs Brancas
E = Principalmente Estrelas B / Nêutron / A
F = Principalmente Estrelas B / Nêutron / Buracos Negros
G = Principalmente Estrelas B / O / Herbigs / Nêutron / Buracos Negros
H = Principalmente Estrelas O / Nêutron / B Super Gigante / Wolf-Rayet / Buracos Negros

Avisos:
A estrela de classe B está nos códigos de massa E/F/G/H mas nos códigos de massa G/H você vai provavelmente encontrar a variante Super Gigante dela;
Os códigos de massa D, C e B são os mais comuns então você vai encontrar todas as estrelas comuns neles(K/G/F/A/M);
G é recomendado para encontrar Herbigs;
H é recomendado para encontrar Estrelas O / B Super Gigante / Nêutron / Wolf-Rayet e Buracos Negros.


Algumas dicas e truques interessantes que irão fazer sua pesquisa 10 vezes melhor em qualquer situação quando usando o Mapa da Galáxia:

1° dica - Use o modo realista do mapa da galáxia. Você talvez pergunte o motivo, então vou explica-lo:
Buracos Negros e Estrelas de Nêutron são visualmente idênticos na opção de "Estrelas fora da sequência" quando o modo realista não esta em uso.
Estrelas Herbig e T Tauri são idênticas na opção de "Proto Estrelas" quando o modo realista não esta em uso.
Estrelas Gigantes and Super Gigantes são idênticas as estrelas normais quando o modo realista não esta em uso.
(Agradeçam silverbolt2000 por ter avisado sobre isto!)

2° dica - Encontrou um sistema legal no mapa da galáxia usando o que eu descrevi acima ou por sorte!? Sempre cheque a aba de Descrição do Sistema no mapa da galáxia! (Se você não sabe o que isto é veja a imagem abaixo).

https://preview.redd.it/iohu9mnurs231.png?width=292&format=png&auto=webp&s=99ffd4314de1f279f5af79d2b7e64ca8eb856cb6
Talvez você pense, que porr... é uma estrela DC0 VII ou uma estrela K3 VA, deixe-me explicar em uma forma simples:
A(s) primeira(s) letra(s) demonstra o tipo da estrela, no primeiro exemplo acima(DC0 VII) isto significa que a classe da estrela é DC(Anã Branca[DC]).
O número depois da classe da estrela, pode variar entre 0 e 9 e ele mostra quão quente é a estrela, 0 sendo a mais quente e 9 a mais fria.
Após a temperatura nós podemos checar os números romanos que podem variar entre I(1) e VII(7) e significa o tamanho da estrela, I(1) sendo a maior e VII(7) sendo a menor. (Aviso: Os números romanos as vezes podem significar a luminosidade da estrela, sendo I[1] muito brilhante e VII[7] pouco brilhante).
E finalmente a(s) letra(s) que vem após o número romano, ela(s) significa(m) a luminosidade da estrela, A/AB/B sendo as mais comuns, sendo A uma estrela brilhante e B uma estrela menos brilhante. (Aviso: As vezes estas letras não existem e também existem diversas outras letras além de A/AB e B que explicam certas peculiaridades do sistema)
submitted by -MagnusBR to u/-MagnusBR [link] [comments]


2018.03.10 20:56 fijozico Post-Match Thread: CF Esperança de Lagos 1 – 3 FC Ferreiras [1ª Divisão AF Algarve]

Esperança de Lagos 1 – 3 FC Ferreiras

Estádio Municipal de Lagos, Lagos
Golos do Esperança de Lagos: 54' Tommy (gp)
Golos do Ferreiras: 7' João Pias, 75' João Buni, 94' João Viana

Esperança de Lagos

11 inicial: Toco, Hernâni, Jorge Carvalho, Rafa Gonzalez, André Lourenço, Pinto, Bruno Gonzalez, Nuno Alves, Assis, Tommy, Teixeira
Suplentes: Rafa, Serras, Cascas, Chamusca, Chico, Lino

Ferreiras

11 inicial: Rúben Borges; Diogo Afonso, David Monteiro, Pedro Colaço, Ricardinho; Buni, Peixinho, Hagi; João Viana, João Pias, Jorge Correia
Suplentes: Duarte Encarnação, Fábio Murraças, Pedro Duarte, Wesley Douglas, Álvaro Carrera, "Bobó", Vítor Pestana

Jogo

Boa tarde senhores e senhoras, sejam muito bem-vindos a mais um relato EM EXCLUSIVO dos acontecimentos de mais um jogo EMOCIONANTE da distrital algarvia! Entramos hoje na fase final da 1ª divisão, dividida em 2 grupos (subida e manutenção), cada um com 6 equipas, que irá decidir os futuros das 12 equipas. Os pontos transitam da 1ª fase, e tudo pode acontecer! Hoje fiz os 50km até Lagos para assistir a partida entre o Esperança e o Ferreiras, que se antevia um espetáculo bastante bom, sem chuva e até com solinho.
O Clube de Futebol Esperança de Lagos entrava nesta 2ª fase na 3ª posição com 39 pontos, menos 5 que o 2º lugar e menos 12 que o 1ª.
Já o Futebol Clube de Ferreiras, líder destacado do campeonato, chegava com 51 pontos, mais 7 que o Silves. Vinha de uma vitória para a Taça do Algarve por 3-2 frente ao Quarteirense, tendo avançado para as meias-finais, defrontando o vencedor da partida entre Moncarapachense e Lusitano VRSA.

Primeira Parte

Bastante vento no Municipal de Lagos, explicado por se encontrar num descampado à beira da ribeira de Bensafrim. Este mesmo vento beneficiava o Ferreiras nesta primeira parte, o que se mostrou uma mais-valia para os visitantes, pois cada bola longa lançada pela defesa acabava mais rápida do que o previsto, o que dava uma boa vantagem para a velocidade do João Viana.
07' GOOOOOOOOOOLOOOOOOOOOOOOOOOOO, JOÃO PIAS, 0-1!!! Grande bola para o Viana, com a ajuda do vento que referi, que corta para dentro, dá para o Pias que se atrapalha um pouco mas consegue rematar de uma maneira muito esquisita para o ângulo superior, não dando quaisquer hipóteses para o guardião da casa.
Depois deste golo, o Ferreiras dispôs ainda de mais umas oportunidades de golo, mas depois daí o Esperança consegue lentamente se impor no jogo. Ficaram a reclamar de uma mão dentro da área do Pedro Colaço, o que não me pareceu por este ter os braços junto ao corpo, e depois de outro por uma falta muito junto da divisória da grande área do Ferreiras. Nenhuma das situações me pareceu penalty, mas isto posso ser eu a ser tendencioso. No final da primeira parte, o Lagos dispôs de uma oportunidade flagrante de golo; um gajo deles podia ter rematado, deixa para o Jorge Teixeira que, com a baliza escancarada, remata ao lado! Mas que perda incrível do Esperança, cenas inacreditáveis!
07' Amarelo ao Peixinho por protestos após uma falta favorável ao Esperança.

Segunda Parte

E como o vento não parou entretanto, nesta parte tinha o Esperança a vantagem dele, o que me deixou ainda com mais nervos do que já estava, que não eram poucos.
52' Penalty para o Esperança de Lagos! Bola longa com muita velocidade, o Rúben Borges sai mal da baliza, o gajo da casa finta-o, e o guarda-redes do Ferreiras derruba-o na área. Indiscutível.
52' Amarelo ao Pedro Colaço por ter reclamado da decisão...
54' Golo do Esperança de Lagos, Tommy, 1-1! Penalty muito bem batido, sem quaisquer hipóteses para o Rúben; ainda adivinhou o lado, mas a bola foi muito puxada para o poste, nem voando.
E se os lacobrigenses já tinham ido para o intervalo por cima do jogo, este golo apenas os incentivou mais, e, com a ajuda preciosa do vento, começaram a criar muitas dificuldades para a baliza do Ferreiras. No entanto, foi perto da outra baliza que aconteceu o lance mais escandaloso do jogo. Canto para o Ferreiras, o redes agarra, o Pias, erradamente, coloca-se à frente do redes quando este ia chutar a bola, o redes passa-se e espeta um murro no Pias, mesmo em cima do nariz do árbitro! O juiz da partida acalma os ânimos e... Manda prosseguir o jogo. Não há amarelo, não há aviso verbal, não há nada, incrível! É que nem foi algo meio disfarçado, o gajo foi mesmo com um gancho de direita à cara do Pias e simplesmente sai impune...
61' Amarelo ao Hagi por parar o contra-ataque.
62' Substituição (1/3): Hagi Pedro Duarte
75' GOOOOOOOOOOLOOOOOOOOOOOOOOOOO, JOÃO BUNI, 1-2!!! EU NÃO ACREDITO NO QUE OS MEUS OLHOS PRESENCIARAM, MAUS CAROS! Os dois piores jogadores em campo acabaram de fazer o golo mais lindo da temporada, e DE PROPÓSITO! Grande passe picado do Jorge Correia para a corrida do Buni, que finge um remate, tirando um defesa da frente, e rematando sem hipóteses para o guarda-redes da casa! Estou parvo, meus amigos!
80' Substituição (2/3): Jorge Correia "Bobó" Bem, eu nunca vi este tipo na minha vida, creio que seja um júnior, visto que 3 jogadores estavam fora por [suposta] lesão. Veremos.
E com isto, a batata quente está mais uma vez nas mãos do Esperança de Lagos, que agora tenta correr mais atrás do prejuízo, mas sem grandes resultados! Um ou dos cantos e livres perigosos, mas com a defensiva do Ferreiras a conseguir lidar com eles com mais ou menos dificuldade.
90' Substituição (3/3): João Pias Vítor Pestana
Vai ser até ao último minuto, amigos. 4 de compensação, o Esperança a nos sufocar, que nerv–
94' GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO, JOÃO VIANA, 1-3!!!! PAU, PAU, PAU, HAT-TRICK DOS JOÕES, E ACABA A FESTA! A equipa do Esperança apanhada toda no ataque, mas uma recuperação do Peixinho permite o passe a rasgar do Buni para a velocidade do Viana, que finta o redes com toda a calma do mundo e enfia o golo que acaba com o jogo! Golo muito merecido pelo Viana, que aterrorizou a defesa da casa durante todos os 90 minutos!

Campeonato

Jogos da Jornada 1

Casa Fora Casa Fora
Silves 3 – 1 Messinense Quarteira 4 – 1 Culatrense
Imortal 0 – 0 Quarteirense Lagoa 6 – 0 Sambrasense
Esp. Lagos 1 – 3 Ferreiras Faro e Benfica 2 – 1 Carvoeiro United

Tabela Classificativa

Fase de Promoção

Equipa P J V E D GM GS DG
1 Ferreiras 54 1 1 0 0 3 1 +2
2 Silves 47 1 1 0 0 3 1 +2
3 Esp. Lagos 39 1 1 0 1 1 3 -2
4 Imortal DC 35 1 1 1 0 0 0 0
5 Messinense 34 1 1 0 1 1 3 -2
6 Quarteirense 33 1 1 1 0 0 0 0
Promoção ao CNS Taça de Portugal 2017/18

Fase de Manutenção

Equipa P J V E D GM GS DG
1 GD Lagoa 35 1 1 0 0 6 0 +6
2 Quarteira 34 1 1 0 0 4 1 +3
3 Faro e Benfica 25 1 1 0 0 2 1 +1
4 Culatrense 24 1 0 0 1 1 4 -3
5 Carvoeiro United 12 1 0 0 1 1 2 -1
6 Sambrasense 9 1 0 0 1 0 6 -6
Fase de Despromoção

Menções Honrosas

Soma e segue. Bora Ferreiras!
submitted by fijozico to PrimeiraLiga [link] [comments]


2016.07.05 22:35 notacoolgirl Quadrinhos brasileiros? Daytripper?

Olá brasil,
Hoje venho perguntar a vocês sobre quadrinhos brasileiros. Já tem um tempo que indago sobre cartunistas brasileiros e se existe, talvez, uma "cena" de quadrinhos brasileiros interessantes com críticas à sociedade, ou mesmo com auto-críticas. Não estou falando da Turma da Mônica, credo. Tampouco de quadrinhos tipo Marvel, mas algo feito para jovens/adultos baseado na realidade. Exemplos:
Persepolis e O Arabe do Futuro estão disponíveis facilmente no Brasil, mas acho que Laika talvez não. Library Genesis é sua amiga, caso presise/se interesse.
Enfim, tendo lido estes, fui atrás do que existe de cartunistas brasileiros que não sejam aquele babaca que a DC demitiu por discurso de ódio. Acabei encontrando o Daytripper (não tem versão da página do quadrinho na wikipedia em PT!), da DC também, de autoria dos irmãos brasileiros Fábio Moon e Gabriel Bá, e queria saber se alguém conhece e recomenda? Aqui (FR) só consigo encontrar ele em inglês ou francês. Pela capa e algumas imagens no google, também parece ser no Brasil, o que pra mim é muito legal. Enfim, mesmo que ninguém responda, acho que vou comprar porque nada melhorar do que apoiar o talento brasileiro numa área assim. Mas se alguém já leu, sabe me dizer se tem um tom sério e talvez de auto-crítica enquanto sociedade? Não estou falando algo que só mostre desgraça, por favor, mas algo mais político mesmo. E se não conhece, recomenda algum outro quadrinho brasileiro? Como fico sabendo sobre essa cena entre brasileiros? Alguém aqui trabalha com isso?
Obrigada!
Edit: Coloquei links do goodreads, tem mais informação e os da wikipedia estavam quebrando :)
submitted by notacoolgirl to brasil [link] [comments]


2016.03.09 21:47 Chapolin_Colorado Ajuda com câmera de monitoramento

Olá, brasil.
Estou pensando em comprar uma câmera de monitoramento pra minha casa e gostaria da opinião de vcs.
Só pra contextualizar, eu moro numa casa pequena, geminada, e tenho que viajar constantemente a trabalho. No bairro onde moro não é incomum ter arrombamentos, especialmente quando o morador está viajando. Nada muito aterrorizador, mas é algo que me preocupa. Então, resolvi me precaver da melhor forma possível. Até fiz orçamento de alarme e vigilância por empresa especializada, mas tá meio fora do meu orçamento. Aí to pensando em colocar pelo menos uma câmera pra monitorar minha casa enquanto eu viajo.
Tinha olhado umas como essa, que dá pra acessar pelo celular e pelo menos avisar algum dos vizinhos se tiver movimento suspeito na casa.
Gostaria que gravasse tb, caso o(s) meliante(s) conseguisse roubar alguma coisa, pras imagens talvez ajudarem a polícia a encontrar os caras e recuperar algum dos itens, se for o caso.
E aí, dicas? Experiências? Sugestões? Nada muito caro, se for possível.
Apreciaria demais a opinião de vcs!
submitted by Chapolin_Colorado to brasil [link] [comments]


2015.07.15 21:42 fidjudisomada Sport Lisboa e Benfica 2015/16 - A Construção do Plantel

Fecho da Janela de Transferência de Verão 2015

Rumores
Curiosidades
Notas:
Resumo
  • Em relação ao plantel da época transata, saíram 10 jogadores, sendo que 4 dessas saídas são afastamentos temporários;
  • No que tange às 13 novas contratações, há 6 incorporação na equipa A, 2 na equipa B/Juniores e 5 empréstimos;
  • Nélson Semedo, Victor Lindelöf, João Teixeira, Nuno Santos e Gonçalo Guedes graduaram-se e foram promovidos;
  • Todos os 25 atletas emprestados na época transata têm a sua situação resolvida, porém Nélson Oliveira e Filip Đuričić estão integrados no plantel mas esta situação permanece incerta.
  • As alienações totalizam 30 M€ e as aquisições 19,6 M€, portanto um saldo positivo de 10,4 M€.

Alienações (9)

Jogador Posição Destino Motivação Preço
Artur Moraes GR Osmanlıspor FK Fim de contrato 0 €
Maxi Pereira DR FC Porto Fim de contrato 0 €
Loris Benito DE BSC Young Boys Transferência 3 M€
Rúben Amorim MD Al-Wakrah Sport Club Livre 0 €
Sulejmani MO(D/E) BSC Young Boys Transferência 3 M€
Ivan Cavaleiro MO(D/E) AS Monaco FC Transferência 15 M€
Rochinha MO(C) Standard Liège Transferência ?
Funes Mori A CF Monterrey Transferência 2 M€
Lima A Al-Ahli Dubai FC Transferência 7 M€
Total 30 M€

Afastamentos (8)

Jogador Idade Posição Contracto Destino Status
Bruno Varela 20 GR 30/06/2020(?) Real Valladolid CF Empréstimo
Marçal 26 DE 30/06/2020 Gaziantepspor Empréstimo
César 22 DC 30/06/2019 CR Flamengo Empréstimo
Hany Mukhtar 20 MO/A 30/06/2021 FC Red Bull Salzburg Empréstimo
Ola John 23 MO(D/E) 30/06/2017 Reading FC Empréstimo
Derley 27 A 30/06/2018 Kayserispor Empréstimo
Jonathan Rodríguez 22 A 30/06/2017 RC Deportivo de La Coruña Empréstimo
Nelson Oliveira 24 A 30/06/2018 Nottingham Forest FC Empréstimo

Aquisições (13)

Jogador Proveniência Idade Posição Duração Status Preço
Éderson Rio Ave FC 21 GR 5 Incorporação na equipa A 1 M€
Marçal CD Nacional 26 DE 5 Incorporação na equipa A Livre
Pelé AC Milan 23 MC 5 Emprestado ao FC Paços de Ferreira Livre
Diego Lopes Rio Ave FC 21 MC 5 Emprestado ao Kayserispor 1 M€
Adel Taarabt Queens Park Rangers 26 MC 5 Incorporação na equipa A Livre
Jhon Murillo Zamora FC 19 ME 5 Emprestado ao CD Tondela 1,5 M€
Dálcio CF Os Belenenses 18 MD 5 Emprestado ao CF Os Belenenses ?
Mehdi Carcela Royal Standard de Liège 26 MD 5 Incorporação na equipa A 4 M€
Bilal Ould-Chikh FC Twente 17 ME 5 Incorporação na equipa B (?) 1,7 M€
Leonardo Natel Sport Clube 12 Horas 18 A 5 Incorporação na equipa Júniores A ?
Francisco Vera Club Rubio Ñu 20 A 5 Incorporação na equipa B ?
Konstantinos Mitroglou Fulham FC 27 A 1 Empréstimo com opção de 7 M€ 1,4 M€
Raúl Jiménez Atlético de Madrid 24 A 5 Incorporação na equipa A 9 M€ (50%)
Total 19,6 M€

Os 25 jogadores emprestados pelo SL Benfica em 2014/15

Jogador De... Para... Status Veredito Preço
Nélson Oliveira Swansea City AFC Nottingham Forest FC Confirmado Empréstimo -
Filip Đuričić Southampton FC SL Benfica Confirmado Pré-época -
Raphael Guzzo GD Chaves CD Tondela Confirmado Empréstimo -
Sidnei RC Deportivo de La Coruña RC Deportivo de La Coruña Confirmado Empréstimo ?
Hélder Costa RC Deportivo de La Coruña AS Monaco FC Confirmado Empréstimo Opção de 15 M€
Bebé Córdoba CF Rayo Vallecano Confirmado Empréstimo ?
Fábio Cardoso FC Paços de Ferreira FC Paços de Ferreira Confirmado Empréstimo ?
Luís Felipe Joinville EC Paysandu SC Confirmado Empréstimo ?
Harramiz SC Farense SC Farense Confirmado Empréstimo ?
Lolo Plá CD Lugo Cádiz CF Confirmado Empréstimo ?
Kevin Friesenbichler Lechia Gdańsk F. Austria Wien Confirmado Empréstimo ?
Rui Fonte CF Os Belenenses SC Braga Confirmado Empréstimo ?
Yannick Djaló FC Mordovia Saransk FC Mordovia Saransk Confirmado Empréstimo ?
Steven Vitória Philadelphia Union Philadelphia Union Confirmado Empréstimo ?
Gianni Rodríguez CA Peñarol CA Peñarol Confirmado Empréstimo ?
Jorge Rojas Gimnasia y Esgrima Gimnasia y Esgrima Confirmado Empréstimo ?
Juan San Martín Central Español Central Español Confirmado Empréstimo ?
Luís Fariña RC Deportivo de La Coruña Rayo Vallecano Confirmado Empréstimo ?
Candeias Granada CF FC Metz Confirmado Empréstimo ?
Ivan Cavaleiro RC Deportivo de La Coruña AS Monaco FC Confirmada Alienação 15 M€
Funes Mori Eskişehirspor CF Monterrey Confirmado Alienação 3,5 M€
Rochinha Bolton Wanderers Standard Liège Confirmado Alienação ?
Bruno Gaspar Vitória SC Vitória SC Confirmado Alienação Contratação de Rui Vitória
Rúben Pinto FC Paços de Ferreira CF Os Belenenses Confirmado Alienação Custo Zero
Airton Botafogo FR Botafogo FR Sem confirmação Alienação Fim de contrato

Plantel da Pré-Época 2015/16 (29 jogadores)

Jogador Proveniência Idade Posição Contracto Rumor Nota
Júlio César - 35 GR 30/06/2016 - -
Paulo Lopes - 37 GR 30/06/2016 (?) - -
Éderson Moraes Rio Ave FC 21 GR 30/06/2020 - -
Nélson Semedo SL Benfica B 21 DD 30/06/2021 - -
Sílvio - 27 D(D/L) 30/06/2016 - Emprestado
Luisão - 34 DC 30/06/2017 - -
Jardel - 29 DC 30/06/2018 Transferência -
Lisandro - 25 DC 30/06/2018 Transferência -
Lindelöf SL Benfica B 20 DD/DC/MD 30/06/2020 - -
Eliseu - 31 D/M(E) 30/06/2016 - -
André Almeida - 24 D(D/E)/MD/MC 30/06/2019 Transferência -
Samaris - 26 MD/MC 30/06/2019 - -
Fejsa - 26 MD 30/06/2018 - -
Pizzi - 25 MO(D/C/E) 30/06/2019 Transferência -
Gaitán - 27 MO(C/E) 30/06/2018 Transferência -
Salvio - 24 MO(D) 30/06/2017 Transferência -
Vitor Andrade - 19 MO(D) 30/06/2019 - -
Bryan Cristante - 20 MD/MC 30/06/2019 - -
Gonçalo Guedes SL Benfica B 18 MO(D/E)/A 30/06/2021 - -
João Teixeira SL Benfica B 21 MC 30/06/2021 - -
Adel Taarabt Queens Park Rangers FC 26 MO(C/E) 30/06/2020 - -
Nuno Santos SL Benfica B 20 MO(E) 30/06/2021 - -
Bilal Ould-Chikh SL Benfica B 18 MO(E) 30/06/2020 - -
Filip Đuričić Southampton FC 23 MO(C/E) 30/06/2018 Transferência Ex-Emprestado
Mehdi Carcela Standard Liège 26 MO(D/E) 30/06/2019 - -
Anderson Talisca - 21 MC/MO/A 30/06/2019 - -
Jonas - 31 A 30/06/2016 Transferência -
Konstantinos Mitroglou Fulham FC 27 A 30/06/2016 - Emprestado
Raúl Jiménez Atlético de Madrid 24 A 30/06/2020 - -

Esquema Tático

Changelog
  1. 2015.07.17.13.21: Criação da lista dos dispensados para a época 2015/16.
  2. 2015.07.17.21.50: Derley e Diego Lopes no Kayserispor; Pelé no Granada CF.
  3. 2015.07.18.15.18: Atualização do status de Pelé e Dálcio.
  4. 2015.07.18.20.00: Atualização do status de César.
  5. 2015.07.24.19.45: Atualização do status de Sidnei, Lolo Plá, Friesenbichler e Lima.
  6. 2015.07.28.19.53: Atualização do status de Pelé no FC Paços de Ferreira.
  7. 2015.07.30.17.00: Atualização do status de Rochinha no Standard Liège.
  8. 2015.07.31.03.03: Atualização do status de Rui Fonte no SC Braga.
  9. 2015.08.06.21.21: Atualização do status de Konstantinos Mitroglou.
  10. 2015.08.07.01.01: Atualização do status de Rúben Amorim.
  11. 2015.08.16.13.35: Atualização do status de Raúl Jiménez, Raphael Guzzo e Luís Fariña.
  12. 2015.08.20.12.00: Atualização do status de Marçal.
  13. 2015.08.27.12.00: Atualização do status de Mukhtar.
  14. 2015.08.29.14.20: Atualização do status de Candeias.
  15. 2015.08.31.09.00: Acompanhamento do fecho do mercado de transferências de verão.
  16. 2015.09.01.21.00: Atualização do status de Ola John e Nelson Oliveira.
Notas
  • Os valores citados na alienações e aquisições são estimativas muito grosseiras em certos casos.
  • Recolha feita com a preciosa colaboração de Lemisanthrope1.
submitted by fidjudisomada to benfica [link] [comments]


Controle de velocidadae para motor de esteira com dimer Como encontrar água em um ambiente selvagem - YouTube Como saber se você tem o Java instalado no computador ? # ... Adobe Reader DC super fácil: 4 tips para editar como ... Encontrar Fé em Cristo - YouTube Myra Ruiz - Se Encontrar (De 'Frozen 2'/Lyric Video) - YouTube Lego DC Super-Villains: Como Encontrar os Personagens ... Skyrim - Como se casar! Como encontrar o PONTO G! cenas quentes - YouTube Como se hacen los Acordes sostenidos y bemoles - YouTube

Ayuda disponible por desempleo USAGov

  1. Controle de velocidadae para motor de esteira com dimer
  2. Como encontrar água em um ambiente selvagem - YouTube
  3. Como saber se você tem o Java instalado no computador ? # ...
  4. Adobe Reader DC super fácil: 4 tips para editar como ...
  5. Encontrar Fé em Cristo - YouTube
  6. Myra Ruiz - Se Encontrar (De 'Frozen 2'/Lyric Video) - YouTube
  7. Lego DC Super-Villains: Como Encontrar os Personagens ...
  8. Skyrim - Como se casar!
  9. Como encontrar o PONTO G! cenas quentes - YouTube
  10. Como se hacen los Acordes sostenidos y bemoles - YouTube

En pocos minutos vas a aprender a hacer correcciones en documentos con Acrobat Reader DC, el programa profesional y gratuito para la edición en pdf. #editarc... Assista Frozen 2 da Disney, dia 02 de Janeiro nos cinemas. Por que Elsa nasceu com poderes mágicos? A resposta está chamando-a e ameaçando seu reino. Com Ann... Aprenda agora mesmo como saber se você tem o java instalado no seu computador. Site utlizado: http://www.java.com/pt_BR/ CANAIS PARCEIROS Meu novo canal: ... Tomás, que havia duvidado, vê o poder, a majestade e o amor de Jesus Cristo. A fé em Cristo ajudará pessoas a resolverem seus desafios. Como se hacen los Acordes sostenidos y bemoles esta es la leccion de piano mas facil para adultos principiantes, jovenes y niños principiantes para que pueda... Opa! Tae pessoal, como se amarra em Skyrim! Mais infos abaixo: Comente e avalie! Se inscreva , favorite, de like, piruetas e cambalhotas, vai pamonha? Não esqueça de se inscrever. Todos NPCs ... Max Power Funciona? Onde Comprar? Max Power Como Tomar? Site Original: http://bit.ly/maxpowerr-site-oficial Matéria g1 Bem Estar: http://bit.ly/g1-aumento-pe... Super driver de 1 a 200 amperes para motor DC - Duration: 28:26. Fernando K Tecnologia ... como ligar motor de corrente continua em alternada - Duration: 10:11. roberto lohmann 34,005 ... ↓ Mais Informações ↓ ★VAMOS: Curtir Comentar Compartilhar Inscrever-Se ★ Clique no link e seja um inscrito! https://goo.gl/z9DZWZ Curta a Fanpage: http:/... Para saber mais, leia o artigo em http://ciencia.hsw.uol.com.br/h2o.htm